Uma viatura da Polícia Rodoviária Federal (PRF) se envolveu em um acidente, na noite de quarta-feita (23), na rodovia BR-343, mesmo local onde ocorreu a colisão que deixou o médico Francisco das Chagas Macedo, de 72 anos, morto, na tarde de ontem, na região de Amarante.

Segundo a PRF, o novo acidente ocorreu às 20h30, envolvendo um caminhão-tanque, um caminhão-guincho e uma viatura da PRF da cidade de Floriano.

A viatura policial estava visivelmente posicionada e com as luzes de emergência ligadas, sinalizando a retirada de veículo sobre a via, envolvido em acidente anterior. Devido ao acidente, a via ficou completamente interditada. Não houve feridos.

Viatura da PRF se envolve em acidente ao atender ocorrência na BR-343 - Imagem: Reprodução/WhatsAppViatura da PRF se envolve em acidente ao atender ocorrência na BR-343 - Imagem: Reprodução/WhatsApp

O caminhão tanque transitava pela rodovia e o motorista não teria observado a movimentaçção na pista e acabou colidindo no caminhão reboque, que recolhia o veículo Ford Ka, envolvido em acidente horas antes, que deixou o médico morto.

Depois de o caminhão tanque colidir no caminhão reboque, ele ainda atingiu a viatura da PRF.

Após mais de 15 horas de atendimento, a via foi completamente liberada às 6h30 desta quinta, 24.

Primeiro acidente

O médico Franciso das Chagas Macedo, de 72 anos, morreu na tarde desta quarta-feira (23), vítima de um grave acidente, tipo colisão, envolvendo um carro de passeio e um caminhão na BR 343, entre os municípios de Amarante e Regeneração.

O médico seguia sentido a cidade de Floriano e colidiu de frente com o veículo de carga. O motorista da carreta informou que o acidente aconteceu após o médico ter invadido a pista contrária. A perícia a ser realizada no local deverá indicar as reais circunstâncias da tragédia.

Médico morre em acidente entre carro e caminhão na BR 343 em Amarante  - Imagem: ReproduçãoMédico morre em acidente entre carro e caminhão na BR 343 em Amarante  - Imagem: Reprodução

A vítima morreu ainda no local. O veículo de passeio ficou destruído. O Corpo de Bombeiro, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e o Instituto de Medicina Legal (IML) foram acionados para atender a ocorrência.

Com informações da PRF e do Portal Canal 121