Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Educação: remanejo de turmas e afastamento de professores prejudicam alunos

Compartilhe

Após vistoria realizada na VI GRE - Gerência Regional de Educação, em Regeneração, durante o mês de maio, uma equipe técnica da Secretaria Estadual de Educação transferiu 21% dos alunos da Unidade Escolar Luís Mendes, localizada no Bairro Areias, para a Unidade Escolar Eduardo Ferreira, sob o argumento de que o estado está realizando uma contenção de despesas e que está unificando as salas com quantidade reduzida de alunos. Os estudantes são alunos da 6ª e 7ª séries.



A população, que considerou arbitrária a iniciativa da Secretaria Estadual, está chocada porque os alunos foram remanejados da escola do bairro onde moram, para outra unidade distante. ?O constrangimento é enorme para os alunos e familiares, considerando que somos muito bem preparados como unidade educacional, pois dispomos de todos os recursos para um ensino de qualidade?, explica Jeane Santos, diretora da escola.

Os moradores do Bairro Areias estão se organizando e, inicialmente, planejam um abaixo assinados como medida inicial na tentativa de reverter a situação.

A medida, de acordo com o ofício circular CAF nº 06/2010, dispensou todos os professores substitutos desde o dia 1º de junho, aprovados recentemente em concurso público. A medida também remanejou os alunos do EJA da Unidade Escolar João de Moura Santos do Bairro Várzea para a Unidade Escolar

Antonio Castro situada próxima ao Bairro Balão.

Os alunos do EJA, Ensino de Jovens e Adultos, como medida, recusaram a transferência: ?Não iremos à outra escola! Se a situação não voltar à sua normalidade, não assistiremos mais às aulas?.

?Nossa escola é tradicional e desenvolve um trabalho educativo de ótima qualidade. Diante o exposto, considero arbitrária e humilhante a atitude que, com certeza, vai contra os princípios da Educação à qual todos têm direito. Com a fechada abrupta do turno da noite, todos os alunos foram prejudicados e a sociedade como um todo perde bastante?, desabafa Manoel do Espírito Santos, diretor da Unidade Escolar João de Moura Santos.



Diretor da Unidade Escolar

Não tem sentido transferir alunos que estudam nas proximidades de casa num ensino de conforto e qualidade, para outra unidade de ensino onde precisam percorrer diariamente 03 ou 04 Km, reforça.


Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar