Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

ACTC conta a sua história e os avanços da capoeira no município

ACTC conta a sua história e os avanços da capoeira no município
Grupo ACTC | Denison Duarte
Compartilhe

Segundo o escritor e historiador Luís Alberto Soares, a capoeira teve início em Amarante em 06 de março de 1999 com a chegada de Helio Alves de Jesus, natural de Timon (MA), que criou a ACTC, Associação do Centro de Treinamento da Capoeira. Durante o período o capoeirista realizava diversas palestras educativas nas escolas públicas até o ano de 2004, quando deixou Amarante para ser professor da arte em Água Branca (PI).

Por muito tempo a ACTC esteve parada no município, mas o grupo espalhou-se por Palmeirais, Parnarama, Água Branca e São Pedro. Helio hoje é mestre na profissão e incentiva seus alunos a crescerem. Muitos que o têm como exemplo já se tornaram conceituados instrutores inovando o esporte com aplicação de projetos em escolas, entre outras funções.

Atualmente o grupo ACTC tem continuidade em Amarante com um grupo bem definido. À frente do grupo estão os instrutores Jabá e Pelourinho apoiados pelos seguintes alunos do mestre Hélio: Pajé, Fênix, Escadaria, Gordo, Clone, entre outros.

Na escola Da Costa e Silva o instrutor Jabá conseguiu o apoio do diretor Benício Lopes para formar um grupo, aberto aos alunos e também à comunidade. Este trabalho vem dando resultados com o esforço do instrutor e de todos os alunos participantes e formados.



A capoeira é uma luta, uma arte, uma dança, um esporte, que se resume em cultura que incentiva o cidadão ao respeito, humildade e autoconhecimento. Ao contrário do que muitos pensam, a capoeira não é violência, ela apenas proporciona auto defesa, agilidade, competência para agir consciente em seus atos.

Portanto a capoeira deixa marcas profundas nos capoeiristas: o amor e a dedicação que tem com a mesma. Um sentimento que enfrenta todas as dificuldades para defender e praticá-la.

Sebastião Feitosa de Melo (Instrutor Jabá)


Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar