Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Mutuária é ameaçada de despejo com 20 anos de quitação da casa

Compartilhe

Depois de 20 anos pagando corretamente as parcelas de compras da casa onde mora, a Sra. Margarida Alves, há 4 anos vem sofrendo ameaças de despejo da empresa EMGERPI, Empresa de Gestão de Recursos do Piauí. O imóvel fica situado no Conjunto Sinhá Ayres Quadra C, Casa 13 em Amarante.

Em 2004, quando ficou viúva, havia atraso no pagamento das parcelas de alguns meses cuja dívida totalizava R$ 800,00 e sem a devida condição financeira de quitação do débito, foi coagida a assinar um novo contrato de compra da casa sob ameaça de despejo. Não vendo outra saída e nem quem a defendesse, a Sra. Margarida assinou o contrato.

Seu Filho, Leonardo Pereira, esteve na Casa do Mutuário em Teresina para ver a possibilidade de ter um novo prazo para começar a pagar o débito atual, quando percebeu a inflexibilidade da atendente que argumentou que o decreto estava baixado e não tinha o que negociar.

Eles deveriam ser mais sensíveis com o meu caso, pois já paguei 20 anos, tenho um filho deficiente mental de 34 anos que não enxerga e nem ouve, sou viúva, estou brigando com o INSS num processo que está tramitando na Justiça Federal e não tenho condições de pagar mais a minha casa e ainda posso, a qualquer momento, perder o meu imóvel, me vejo indefesa, afirma.


Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar