Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Première do filme Flor de Abril é festejada em São Paulo

Première do filme Flor de Abril é festejada em São Paulo
Flor de abril | Internet
Compartilhe

Contando com dois atores e uma atriz de Amarante, (José Virgílio, Danilo Costa e Zulmira Bezerra), o filme "Flor de Abril", do cineasta Cícero Filho, foi bastante elogiado em sua première, em São Paulo. A exibição ocorreu no último dia 24 de novembro, no Cine Reserva Cultural, na Avenida Paulista, para uma platéia de aproximadamente 300 pessoas, superando a expectativa de 100 convidados. Cícero foi citado como uma das grandes revelações do cinema brasileiro. Presentes ao evento estavam os atores principais do filme, produtores, a imprensa local e alguns dos patrocinadores.

Flor de Abril é o 3º longa-metragem de Cícero Filho e espera-se que o seu sucesso seja superior ao "Entre o Amor e a Razão" (2006) e "Ai que Vida" (2007). O filme será exibido em Teresina, nos cinemas Riverside, do dia 2 a 8 de dezembro, com sessões as 18h30 e 20h40, e em São Luís com dias ainda a serem definidos.

A exibição do filme foi marcada por muita tensão e expectativa. Cícero Filho admite que estava muito nervoso antes e durante a exibição do filme. ?Foi muito tenso: antes do filme, tudo me parecia sem fim. Mas, o filme precisava nascer de vez e foi mesmo um parto, um filho que chega ao mundo?, explica. O diretor explica que o publico o surpreendeu: ?Saíram do cinema super entusiasmados, falando das cenas e detalhando a trama com segurança. Isso me deixou super feliz?, disse.

Qual a temática central do filme ?Flor de Abril??

R: O filme fala sobre a busca do amor. É um filme melancólico, mas repleto de paixão. Procuro fugir da linearidade. O filme é um imenso flashback, começa pelo fim e segue dessa forma, recapitulando o que já passou e não tem mais jeito. Assim é a nossa vida. Teresa, minha personagem principal, não é diferente de muitas jovens ingênuas do sertão nordestino, que se entrega ao amor e sofre tantas decepções ao ponto de perder o equilíbrio, cometer desatinos, de fugir das conseqüências. Essa sina trágica encaixa-se na realidade de muitos nordestinos. E o filme mostra, sem qualquer suavidade, como ela passa de menina do campo à prostituta, entregando aos vícios e ao sexo ilícito. Também mostramos como ela busca sua redenção ao entregar-se a um novo amor, mas, como é da natureza humana, volta a cometer mais erros. O interessante é que o título do filme, Flor de Abril, remete a uma flor única do nordeste brasileiro, que nasce apenas no mês de março, mas suas pétalas - de cor púrpura - desabrocham em abril e murcham no mesmo mês. É uma metáfora sobre essa menina, Teresa, que da ingenuidade típica dos adolescentes apaixonados, murchará com as decepções. Diante de complexidades tão antagônicas, o roteiro assinado por Kelma Gallas e Paulo Batalha, adquire força ao acompanhar esses conflitos, os dramas e os sentimentos de cada personagem da história, em um emaranhado de relações. Também quis valorizar mais uma vez os cenários naturais: mostro a imponência das belíssimas paisagens do Piauí e do Maranhão, além de cenas da urbana São Paulo, destacadas pela fotografia. O filme FLOR DE ABRIL não pretende reproduzir o Nordeste idealizado, dentro de uma estética acadêmica formal, mas revelar por meio de diversos referenciais culturais, os contornos dessa realidade.

SIBITA FALA SOBRE A ESTREIA DO FILME

Zulmira Bezerra, mais conhecida como Ely Sibita, uma das atrizes do mais novo filme do Produtor Cinematográfico Cicero Filho, também fala sobre a estreia do filme e nos conta um pouco da emoção sentido no momento da estréia. ?Fiquei muito feliz, contente pois está mais uma vez ao lado de Cicero Filho é um enorme prazer. Este é o meu segundo trabalho com Cicero, fico feliz por ele está gostando de minha atuação, sendo que este também era um sonho de muitos ano, agora realizado. Agradeço a todos pela força e que curtam bem este belo filme que com Fé em DEUS irá superar o sucesso dado ao ?Entre o amor e a Razão? e ?Ai que Vida?. Diz Ely Sibita.


Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar