Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

João Messias volta a ser eleito prefeito em Batalha

Compartilhe
Google Whatsapp

O candidato João Messias Freitas Melo (PP) acaba de ser eleito prefeito de Batalha com 7.348 votos, o que corresponde a 45,16% dos votos válidos, mantendo assim a tradição de não reeleger o mandatário. Em segundo lugar ficou Teresinha Lages (PSB) 6.944 votos (42,67%), e em terceiro lugar Shammara Maria (PR), que recebeu 1.980 votos (12,17%) das urnas apuradas. Com uma eleitorado de 19.662, foram registrados 1,15% de votos brancos e 5,105 de nulos.

Nascido em Batalha (PI), João Messias tem 52 anos e é formado em Direito. Ele foi prefeito do município em duas ocasiões, de 1997 a 2000 e de 2002 a 2004.

Na eleição para o segundo mandato, em 2000, ele foi candidato a reeleição, mas foi derrotado por Antonio Lages. Mesmo vencido, impetrou uma ação de impugnação de mandato eletivo contra seu adversário por abuso de poder econômico. Em dezembro de 2001, o Tribunal Superior Eleitoral cassou Antonio Lages e João Messias assumiu a prefeitura por um período de 3 anos. Agora ele volta a prefeitura de Batalha no dia 1º de janeiro de 2017.

O novo prefeito terá que trabalhar politicamente para construir uma base de apoio na Câmara Municipal, já que na urna sua coligação, não conseguiu fazer maioria no parlamento.

A coligação de João Messias “Juntos Pela Reconstrução de Batalha” fez Gordinho (PC do B), Augusto César (PP), Antonio Machado (DEM) e Neném Celedone (PMDB), e especula-se que daí poderá sair o próximo presidente da Casa.

Todos os demais 7 vereadores podem ser considerados de oposição, sendo quatro do PSB, Clayson Amaral, Luiz Miranda, Eduardo Cruz e Professor Guilherme, um do PSD, Paulo Pires, um do PT, Gonçalo Firmino e um do PSC, Nerioston.

Apesar da aparente inferioridade em números no legislativo, nos bastidores comenta-se que JM não terá dificuldades em reverter esta situação.

As conversas políticas com os novos vereadores e o novo prefeito devem começar ainda este mês.




Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Localização

Definir a localização padrão

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Fique por dentro

Receba notícias quentinhas diretamente no seu whatsapp

Continuar

Falta pouco, agora escolha as categorias que deseja receber notícias

Aperte (ctrl + clique) para selecionar vários
Pronto!

Agora você passará a receber novidades diretamente no seu whatsapp.

Termos de uso

Texto

Política de privacidade

Texto

×