Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Prefeitura de Palmeirais entra na Justiça para desbloquear FPM

Compartilhe
Google Whatsapp


A Prefeitura de Palmeirais impetrou uma ação judicial na Justiça Federal para desbloquear as contas do município. Os recursos do Fundo de Participação do Município (FPM) foram bloqueados devido a uma dívida de mais de um milhão de reais, referente a débito do Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público- PASEP, no período de 2010 a 2012, gestão do ex - prefeito Macim Teixeira.

A atual gestão fez o parcelamento da dívida e já efetuou o pagamento da primeira parcela, no entanto, a Receita Federal apresentou novos débitos previdenciários de gestões anteriores, o que manteve o bloqueio.

A administração atual discorda do valor cobrado, além de nunca ter sido notificada oficialmente sobre o débito e, por isso, recorreu ao poder Judiciário.

Na ação impetrada na Justiça Federal, a Prefeitura de Palmeirais pede o desbloqueio imediato dos valores. O secretário de Finanças Filipe Veloso explica os prejuízos causados à administração. “Com os recursos do FPM bloqueados, não é possível fazer nenhuma operação financeira e sequer os pagamentos dos servidores. O pagamento dos servidores ainda não está atrasado porque, de acordo com o artigo 459 da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), o apagamento deve ser feito até o 5º dia útil de cada mês, que neste caso, seria dia 10 de setembro, devido aos finais de semana e feriado. No entanto, lamentavelmente não conseguimos fazer o pagamento no último dia do mês de agosto, como temos costume de fazer desde que assumimos a gestão”, explica o secretário.

Ainda de acordo com Filipe, a Prefeitura de Palmeirais está empenhando todos os esforços jurídicos para resolver o mais rápido possível este impasse. “Estamos na expectativa de que os valores sejam desbloqueados até próxima semana”, finaliza.


Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se