Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Artigo: O Grude Eleitoral Por: Anfrísio R. S. Borges (Historiador, Pedagogo, Coordenador Pedagógico e Professor da rede Pública de Ensino).

Compartilhe

Milhões de brasileiros visitaram as urnas do Tribunal Regional Eleitoral ? TRE de cada município para exercerem a divulgada e famosa DEMOCRACIA. O exercício do voto direcionava a dezenas de cargos do Legislativo e do Executivo, diante do cenário político de toda a nação brasileira.

É, voto pra tudo quanto se imagina: pra cidadão, palhaço, dentista, empresário, fazendeiro, coronel, militares, modelos, lésbicas, homossexual, cantor, jogador e a fila continua com ilimitados números de figuras desconhecidas pelo dono do voto, o eleitor.

Mas, voto cidadão é muito difícil irmão! Pois as vertigens do eleitorado foram nocauteadas por inúmeros grupos de vermes chantagistas perante um alvo fácil e indefensável: o povo.

Pobre gente, rico voto, nada foi feito e pouco irá mudar a Utopia do iluminista Thomas Hobbes, para essa dilacerada população que chora e aclama por Saneamento, Emprego, Saúde e Educação.

De quem é a Culpa?

- Da Educação?

- Dos Vermes Gestores Estaduais e Municipais?

- Dos Vermes Parlamentares que alimentam sua sede de poder?

Tudo é Republica, e tudo é a força do todo mergulhado em escândalos, corrupção e ameaças frente aos outros.

Pobre nação brasileira, rica é a ingenuidade do teu povo que se satisfaz com um simples aperto de mão de um ?Coronel? diante das sarjetas e as rotinas do Bataclâ municipal.

Voto é algo muito sério, é cidadania, é sim, Democracia, é visão de futuro para os quais almejam uma luz no fundo do túnel, é na verdade consciência é razão perante a tecnologia e o novo no fazer políticas sociais a toda uma gente.

- Voto virou grude eleitoral do Verme frente às BESTAS, como cita os exemplos abaixo:

* Vota pela Bolsa Família;

* Vota pelo Vale Gás;

* Vota por um Bilhete de passagem;

* Vota por R$ 10,00;

* Vota por grupo, que nem ele mesmo sabe o conceito de grupo;

* Vota por ser um bilontra do seu chefe;

* Vota por medo do Senhor da Casa Grande em Trancá-lo na Senzala, novamente;

* Vota com medo dos fuzis apontados para ele e sua família;

* Vota por um ?Santinho? que carrega em si a sombra do ?Satanás?;

* Vota pelo apadrinhamento político;

* Vota pelo rico que lhe esfacela até a última espinha dorsal;

* Vota pela eterna condenação da própria pobreza mental.

Voto é voto, vivenciar uma eleição aqui em Redenção é propor tudo que um professor ensina aos seus alunos a SABOTAR o conceito de Democracia e Cidadania, é sabotar a aprendizagem como um brinquedo de criança. Entretanto, foi um verdadeiro ESTRUPO a Democracia frente ao eleitor, foi compra versos venda de votos, era pegar ou largar, era o famoso bordão Toma Lá dá Cá. Foi um verdadeiro comercio, um show de personalidades políticas fazendo do eleitor objeto de uso e desuso de suas vontades e anseios partidários. É a lei da diplomacia versos selvageria do poder político aos seus subordinados e comandados eleitores.

Porém, a lição NÃO fica, pois tudo volta ao normal, todos reclamando e se queixando dos seus gestores em seus diversos serviços e obrigações, pois voto é voto, e voto é Grude Eleitoral, e, nas próximas campanhas eleitoreiras nós iremos questionar, mas para o político e o voto do povo tudo finalizam em uma mesmice, mesmice, ..., mesmice violentação mental do eleitor Sul Real Brasileiro.


Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar