Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

História de São João da Serra contada em livro lançado pelo professor e historiador Herllys Torres

História de São João da Serra contada em livro lançado pelo professor e historiador Herllys Torres
Em momento para fotos | Cosme Jales

Em  entrevista ao correspondente Cosme Jales, o historiador e autor do livro De Marvão a São João a História de São João da Serra-PI, professor Herllys Torres conta a história da cidade, seu povo, suas festas e belezas naturais.

Cosme Jales - Como surgiu a ideia de escrever o livro sobre São João da Serra?


Professor Herllys Torres - Ao concluir este trabalho, vi que é muito relevante para a comunidade e para mim. Pois serve como uma rica fonte de informações a respeito do município, já que são poucos encontrados nesse sentindo, trazendo explicações sobre origem e processos que se desenvolvem no local. Para mim, por atender anseios pessoais e profissionais, respondendo a inquietações.


Cosme Jales - Como historiador, como você vê o desenvolvimento da cidade nos vários aspectos? Em especial econômico?


Professor Herllys Torres - Apesar de todas as ações feitas pelos prefeitos anteriores, vemos que a situação ainda não é muito confortável, pois não tem conseguido manter seus cidadãos em condições mínimas de qualidade de vida. Falta emprego, saúde, educação profissionalizante, não existe empreendedorismo, além de outras formas de riqueza e, consequentemente, qualidade de vida.


Cosme Jales- Teve algo que surpreendeu na busca de fontes? 


Professor Herllys Torres - Sim, sobre o nome Marvão, tive que ler vários outros livros antigos que contavam a história de suas cidades, como um deles encontrado no museu do Tito em Castelo do Piauí, e outro no museu Zé Didor, em Campo Maior, para então entender a origem de nossa  cidade.


Cosme Jales- Sua visão no comercio? 


Professor Herllys Torres - Com certeza houve uma grande mudança, por exemplo, antes tinha apenas uma farmácia, que era do seu Mudim Lopes, bem diferente de hoje.


Cosme Jales- Saúde e Educação.


Professor Herllys Torres - Na saúde tinha apenas um médico que vinha de Castelo atender uma vez no mês, e na educação tinha poucos profissionais, isso melhorou muito com a federalização de verbas.


Cosme Jales- Ao longo do tempo, hoje a cidade é outra, muita coisa aconteceu, mas pra você tem algo que acha que deveria ainda ser feito? Que considera primordial para o município? 


Professor Herllys Torres -Sim, a recuperação da passagem molhada no rio Poti, que serve de represa de água para ajudar no verão, bem como uma atração turística a mais e os acessos aos pontos turísticos que são as cachoeiras.


Cosme Jales- Transporte interurbano. 


Professor Herllys Torres - Nesse tempo era com o Chaga Lira, que fazia a condução das pessoas, pelo Castelo e até Teresina, só depois veio a Furtado tomando de conta da linha.


Cosme Jales- Igrejas


Professor Herllys Torres - Temos algumas igrejas tradicionais por exemplo a igreja Católica, A Assembleia de Deus e Brasil Para Cristo, que esta última fiz uma foto com pastor Miltom Pereira, que gostou muito de adquirir o livro e ver parte de sua história ser contada no livro.


Cosme Jales- Como tem sido a recepção d o leitor quanto ao livro? 


Professor Herllys Torres - Se for medir pela procura, estão gostando, pois a primeira edição já se esgotou.


O Professor Herllys Torres  encerrou a entrevista fazendo umas fotos com a minha pessoa na entrega do livro e mais uma segurando o livro ao lado do banner de sua mãe professora Toinha Torres(In-memoriam).

Na ocasião o autor deixa o contato para quem desejar adquirir o livro: 98118 1633

Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push
<