Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Blaeck Friday no Brasil e uma avalanche de compras online!

Blaeck Friday no Brasil e uma avalanche de compras online!
| Evandro Carvalho
Compartilhe
Google Whatsapp


O Brasil pode estar no meio de uma grande crise econômica, mas isso não significa que as empresas estrangeiras de comércio eletrônico devem ignorar o país. Um novo relatório da Ecommerce Foundation sobre o cenário do comércio eletrônico brasileiro mostra que a compra de produtos em lojas online internacionais é um hábito para nada menos que 48% dos compradores brasileiros, dos quais 8% preferem comprar exclusivamente em sites estrangeiros.

Novembro e dezembro podem ser uma loucura para qualquer comerciante que deseja aumentar suas vendas e garantir ótimos resultados. Diferentes elementos contribuem para as vendas e aumentam o desejo dos consumidores de comprar. Além da agitação natural das férias, os trabalhadores brasileiros com empregos formais recebem um salário extra no mês de dezembro - o 13º salário -, o que aumenta o poder de compra e as vendas de uma forma geral neste período.

Na Black Friday 2018, por exemplo, houve um crescimento significativo de 15,3% em comparação aos resultados do comércio eletrônico em 2017. Descontos atraentes e uma ampla gama de produtos são os principais motivos para os consumidores brasileiros anteciparem suas compras nesse período especial. 

É sabido que esta é uma data importante para qualquer comerciante, tanto em lojas físicas quanto de e-commerce, mas essa oportunidade especial é aproveitada não apenas para comprar presentes de Natal. A maioria dos consumidores online também está procurando ótimas ofertas para suas compras pessoais.

Um aumento encorajador nas vendas foi registrado em 2018, e o  relatório Clearsale afirma que São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília e Curitiba, nessa ordem, foram as principais cidades onde os consumidores online compraram mais. 

Mercado Livre é o maior varejista online do Brasil, com quase 30 milhões de visitantes únicos em 2018. O site pode ser descrito como “o eBay brasileiro” - e, de fato, o eBay possui uma quota de 19,5% na empresa. O Mercado Livre é seguido pelo CNova, o conglomerado de comércio eletrônico por trás das marcas Casas Bahia, Ponto Frio e Extra, que reuniu 23 milhões de visitas em 2018. O terceiro lugar pertence à B2W Digital, que opera os sites Americanas.com e Submarino, com 21 milhões de visitantes.

No entanto, as compras transfronteiriças nem sempre são fáceis. 44% dos brasileiros não estão satisfeitos com o tempo que leva para que suas compras sejam entregues, e muitos deles recebem uma surpresa desagradável quando o pacote finalmente chega: os impostos de importação e transporte foram mencionados como um incômodo por 42% dos consumidores e 32% se queixam de que as informações sobre impostos de importação geralmente não são claras.


Culturalmente, os consumidores brasileiros podem esperar até o último minuto para comprar seus presentes de Natal. Atentos a esse fato, os comerciantes online preparam uma estratégia especial para promover seus descontos mais cedo, e também as lojas físicas e os centros comerciais costumam prolongar o horário de funcionamento até tarde da noite (22h). Portanto, fique atento às grandes promoções neste período!


Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se