Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

A Secretaria Municipal de Saúde de Valença do Piauí Esclarece matéria Vinculada em Portal Local e no Jornal Diário do Povo

A Secretaria Municipal de Saúde de Valença do Piauí Esclarece matéria Vinculada em Portal Local e no Jornal Diário do Povo
Porto de Saude do Bairro Vale Verde. | Raimundo Barbosa
Compartilhe

NOTA DE ESCALRECIMENTO

A Secretaria Municipal de Saúde de Valença do Piauí esclarece a população valenciana e aos piauienses em geral que a matéria vinculada no Portal V1, bem como no jornal Diário do Povo do Piauí, exibida nesta quinta-feira, dia 17 de novembro de 2011, trata de matéria meramente de cunho político, daqueles que não têm nenhum compromisso com a verdade, com o fito de, em distorcendo a realidade e mais ainda, não querendo ver que o Município só vem crescendo nesta administração, tenta macular a conduta profissional daqueles que de fato atuam e contribuem para o desenvolvimento do município.

É de fundamental importância registrar que a Sra. FRANCINEIDE VIANA DOS SANTOS, moradora do bairro Vale Verde, procurou a Secretaria Municipal de Saúde, através do Sr. Secretário Walfredo Val de Carvalho Filho, informando que seu filho, MARCOS VINÍCIOS PEREIRA OS SANTOS, com 06 anos de idade, ao se dirigir com sua amiguinha de nome Mikaely à academia a qual se localiza em frente ao Posto de Saúde do Bairro Vale Verde, foi surpreendido por um homem baixo, gordo, de cabelos brancos e usando óculos escuros, desceu de um veículo pequeno de cor cinza, e os convidou para tirar uma foto em frente ao referido posto e que assim o fizeram, contudo, seu filho e a amiguinha, que se diga, estava à passeio, pois não reside no bairro Vale Verde, não estavam catando lixo e sim se dirigindo à academia para brincarem.

Procurada a funcionária responsável pela limpeza e manutenção do Posto, Sra. MARIA DAS DORES VIEIRA DA SILVA, esta esclareceu que após a realização da limpeza do Posto, acondiciona o LIXO COMUM em sacos de lixo e os coloca do lado de fora do Posto para serem coletados pelo carro de lixo que passa às terças e sextas-feiras e que não foi diferente no dia 11 de novembro.

Contudo, tem plena consciência que colocou apenas 03 sacolas de lixo comum para coleta do carro de lixo, e não o número absurdo de sacolas que apareceram estampadas na internet e no jornal. E mais ainda, esclareceu que o lixo comum a que se refere trata-se de papel higiênico, toalha de papel, lanches, papéis de embrulho de gazes, etc. e que o lixo tóxico, o qual foi tão explorado pelo Portal V1 e jornal Diário do Povo do Piauí, jamais foi exposto, primeiro porque tal lixo é coletado exclusivamente pela Vigilância Sanitária para a devida incineração e segundo porque, não existem medicamentos vencidos no Posto, podendo apenas serem colocadas algumas caixas vazias de medicamentos que foram utilizados.

Colaborando com as informações acima, a coordenadora da Vigilância Sanitária, Sra. MARIA JESUS RIBEIRO LIMA, informou que o lixo tóxico, como material perfuro-cortante , é armazenado em caixa de descartex e lacrado e em seguida coletado pela própria Vigilância Sanitária.

Esclareceu ainda que não existem medicamentos vencidos na secretaria Municipal de Saúde, pois a compra realizada é feita sob medida com controle de uso pelos usuários, não havendo desperdício.

Finalmente esclareceu que as farmácias particulares, entregam medicamentos vencidos à Vigilância Sanitária para serem incinerados em local próprio, que no caso, fica numa área reservada do lixão municipal.

Já a Agente Comunitária de Saúde EDNA ABREU, que atua no Bairro Vale Verde, asseverou que ao passar pelo Posto de saúde dia 11 de novembro, apenas constatou 04 sacolas de lixo, ficando surpresa ao passar novamente no dia 14, com o festival de sacolas de lixo expostas e ?espalhadas? na área pertencente ao posto de saúde e nas imediações dele, o que a fez lembrar de épocas passadas, quando os adversários políticos do governo municipal, na calada da noite espalhava lixo pelas ruas para assim poderem ter subsídios para a campanha política, já que não possuíam outros meios.

A administração municipal e a secretaria de saúde informou que estarão tomando as providências cabíveis no sentido dos responsáveis por matérias sensacionalistas como as publicadas serem responsabilizados e punidos.


Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar