Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Casa Renascer, CEPAVA e Grupo Jovens em Ação realiza o Mês da Consciência Negra em Valença

Casa Renascer, CEPAVA e Grupo Jovens em Ação realiza o Mês da Consciência Negra em Valença
Festa da Beleza Negra com a escolha do Mister e Miss Beleza Negra 2011. | Raimundo Barbosa
Compartilhe

Teve inicio no dia 10 e vai até o dia 25 novembro a Programação do Mês da Consciência Negra em Valença.

A programação é composta por Oficinas, Campanhas, Encontro de Formação Sobre Legislação Etnico Racial e no dia 19 acontecerá no Kanto Azul a Festa da Beleza Negra com a escolha do Mister e Miss Beleza Negra 2011.

O mês de novembro é considerado o Mês da Consciência Negra. Data instituída pelo movimento negro do Brasil e faz referencia ao aniversário de morte do líder negro Zumbi dos Palmares, no dia 20 de novembro - Dia Nacional da Consciência negra.

Durante séculos, aprendemos que ser negro era sinônimo de escravidão, inferioridade, preguiça e marginalidade. No entanto, contraditoriamente, examinando a história do povo negro no Brasil, nos deparamos com uma incontestável, contribuição social e herança cultural. Não é por coincidência que somos o país com o maior numero de negras e negros fora do continente africano, mas sim porque estas pessoas, seqüestradas de sua terra, resistiram a todo sofrimento ao qual foram submetidas e tornaram-se, as principais responsáveis pelo país que construímos.

A Semana da Consciência Negra, é um convite a todas e todos, à reflexão sobre a trajetória de luta e resistência da comunidade negra no Brasil. E dessa maneira, é uma forma de contribuir com o combate ao racismo, assim como resgatar a identidade racial, a auto estima e a cidadania do povo negro.

Nenhum indivíduo pode ter acesso à cidadania plena se não souber quem é e de onde veio. Por esse motivo, acreditamos que a formação é um dos elementos fundamentais no processo de inclusão social. Sendo a identidade racial de um povo intrinsecamente ligada a sua formação enquanto povo, o acesso à reflexão sobre sua história étnica não pode ser negligenciado, uma vez que é a partir de suas raízes culturais que este povo se manifesta socialmente. No momento histórico em que vivemos, quando o preconceito racial e social, apresenta-se de forma ainda mais forte, despertar a auto-estima das pessoas é uma necessidade básica, essencial para que elas possam se incluir socialmente.

A organização do evento é da Casa Renascer, CEPAVA, Grupo Jovens em Ação com o apoio do Ponto de Cultura Preta Mao de Onça e Secretaria de Saúde.


Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar