SEÇÕES

Adolescente de 13 anos morre afogado em barragem de José de Freitas

Populares que estavam presentes denunciaram a falta de salva-vidas e sinalização de perigo no local onde ocorreu a tragédia.

Samuel era estudante da Escola Agripina Portela, pertencente à rede municipal de ensino de José de Freitas | Redes sociais
FACEBOOK WHATSAPP TWITTER TELEGRAM MESSENGER

Um adolescente de 13 anos perdeu a vida na tarde de domingo (30) após se afogar no sangradouro da Barragem do Bezerro, em José de Freitas. Identificado como Samuel da Costa Muniz, o estudante da Escola Agripina Portela, pertencente à rede municipal de ensino, estava mergulhando no local quando desapareceu nas águas. Após alguns minutos, o corpo foi encontrado por populares.

Samuel era filho de Sonia Maria, uma dona de casa residente no bairro Marmelada. Durante a busca pelo adolescente, a Polícia Militar acompanhou o trabalho dos populares no local. A família estava presente no momento do resgate do corpo do menino.

Populares que estavam presentes denunciaram a falta de salva-vidas e sinalização de perigo no local onde ocorreu a tragédia. “A barragem não tem placa, não tem nada que mostre onde os banhistas podem nadar”, falou a empresária Caroline Farias.

Leia Mais

Piauí registrou aumento de 225% nos casos de afogamentos este ano

De acordo com dados do Corpo de Bombeiros, de janeiro a abril deste ano foram registrados 26 casos de afogamentos no Piauí, um aumento de 225% em relação ao mesmo período do ano passado, quando foram registrados 8 casos. Somente no mês de março deste ano, foram contabilizados 11 afogamentos, contra apenas um caso em março de 2022.

O tenente do CBMP Filipe Lima alerta para a importância de precauções ao frequentar locais com grande volume de água, como evitar ingerir bebida alcoólica antes de entrar na água, redobrar os cuidados com crianças e não pular na água em locais de diversão se o banhista desconhecer a profundidade, para evitar acidentes graves.

“Para os que frequentam esses locais com grande volume de água é importante ficar atento a determinadas situações como não ingerir bebida alcoólica quando for entrar na água, o cuidado com criança deverá ser redobrado e nos locais da diversão não pular na água se o banhista desconhece a profundidade para evitar um grave acidente”, explica o tenente do CBMP Filipe Lima.



Participe de nosso grupo no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link


Tópicos