Prestes a completar 3 anos, a vara única de Castelo do Piauí, através do Juiz de Direito, Leonardo Brasileiro, marcou para esta quarta-feira (02/05), a sessão de julgamento do réu identificado apenas por Raimundão. Por se tratar de crime doloso contra a vida, o julgamento é feito pelo Tribunal do Júri e sete jurados deverão julgar pelo crime de homicídio.

O Tribunal de Júri, aberto ao público, terá seu início às 09 horas, no Auditório do Fórum de Castelo, na Avenida Antonino Freire, Centro. Com relação à segurança, foi solicitado reforço policial e uma equipe de policiais comandada pelo comandante do GPM de Castelo do Piauí, sargento Gomes, irá acompanhar a sessão. 

O CASO

Jean Gonçalves da Silva, de 28 anos, conhecido por ‘Nego’ foi morto a facadas, na madrugada do dia 28 de Agosto de 2015, no Centro da cidade de Castelo.

O autor do assassinato identificado apenas por Raimundão chegou em uma motocicleta e tirou da cintura uma arma branca desferindo cinco golpes contra a vítima, dois no braço, um nas costas e dois no peito esquerdo, em seguida ele fugiu.

Jeanzinho foi assassinado por volta de 1h da madrugada na Rua Pedro II, em um bar, enquanto conversava com duas pessoas que estavam bebendo no local.

Após realizar diligências, a polícia militar de Castelo do Piauí conseguiu prender o autor do crime.