Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Avô de Isabella foi a apartamento após enterro

O senhor Nardoni entrou de carro pela garagem e logo em seguida interfonou

Avô de Isabella foi a apartamento após enterro
Avô de Isabella foi a apartamento após enterro | Divulgação
Compartilhe

O av? paterno de Isabella, Ant?nio Nardoni, ficou cerca de 15 minutos no Edif?cio London dois dias depois da morte da menina. Ele chegou com parentes horas depois de acompanhar o enterro da neta. A entrada do advogado ? confirmada pelo livro de registros do pr?dio.

Dois carros da fam?lia Nardoni chegaram ao pr?dio de onde Isabella foi jogada duas horas e vinte minutos do enterro da menina no Cemit?rio Parque dos Pinheiros, na Zona Norte de S?o Paulo.

O livro de registros do Edif?cio London mostra que, em 31 de mar?o, por volta das 12h, o senhor Nardoni entrou de carro pela garagem e logo em seguida interfonou do apartamento de Alexandre, de n?mero 62, dizendo que o cunhado dele estava descendo para pegar a chave do apartamento 63 que ? de Cristiane Nardoni, irm? de alexandre.

O que a pol?cia quer saber ? se Antonio Nardoni e as pessoas que estavam junto com ele no pr?dio dois dias depois da morte de Isabella mexeram no apartamento.

Na quarta-feira (23), Antonio Nardoni prestou depoimento e confirmou que foi ao Edif?cio London no dia do enterro. Mas ele afirma que apenas retirou roupas.

Ao ser questionado pela pol?cia, o pai de Alexandre negou ter destru?do evid?ncias do crime.

A irm? de Alexandre Nardoni, Cristiane, tamb?m foi ouvida na quarta-feira (23), e tamb?m negou que tenha destru?do provas quando entrou no apartamento na noite do crime.

O apartamento s? foi lacrado quatro dias depois do crime, e ser? reaberto no pr?ximo domingo (27), ?s 9h. Nesta quinta-feira (24), policiais come?aram a preparar a reconstitui??o. O espa?o a?reo em torno do pr?dio, num raio de 3 km, ser? fechado por 14 horas. A rua ser? parcialmente interditada e s? ser? permitida a passagem de moradores.

Para a reconstitui??o, Alexandre Nardoni e Anna Carolina Jatob? dever?o voltar ao Edif?cio London. Tamb?m participar?o o porteiro do pr?dio, dois vizinhos, funcion?rios do resgate, a mulher do subs?ndico, o av? paterno, a tia de Isabella, Cristiane, e a m?e da menina, Ana Carolina Oliveira, tamb?m v?o participar da reconstitui??o.

Juntos, eles V?o tentar refazer a seq??ncia dos fatos daquela noite de 29 de mar?o, registrada assim no livro da portaria do Edif?cio London:

O funcion?rio escreveu: "Aproximadamente ? meia-noite, escutei um barulho bem alto. Quando olhei para fora da guarita, tinha uma menina na grama. Imediatamente interfonei para o senhor L?cio - um morador - para ligar para pol?cia e para as ambul?ncias." Ele termina: "a menina ainda estava viva."


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar