Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Conselho Nacional do MP afasta Thales Ferri

Conselho Nacional do MP afasta Thales Ferri

Compartilhe

Em decis?o un?nime, o Conselho Nacional do Minist?rio P?blico (CNMP) afastou nesta segunda-feira (3) de suas fun?es o promotor Thales Ferri Schoedl, acusado de matar um estudante em Bertioga (SP), em dezembro de 2004.

Nesta segunda-feira (3), o CNMP suspendeu decis?o do ?rg?o Especial do Minist?rio P?blico de S?o Paulo que, na quarta-feira (29), determinou a reintegra??o do promotor por entender que ele teria cargo vital?cio. O pedido foi feito pelo conselheiro Nicolau Dino.

O conselho abriu procedimento administrativo para investigar o caso. E vai decidir se o promotor tem direito ou n?o ao cargo vital?cio, o que garante a ele um sal?rio de R$ 10,8 mil. Segundo o procurador-geral de Justi?a de S?o Paulo, Rodrigo Pinho, se perder essa prerrogativa, o promotor ser? julgado por j?ri popular e n?o mais pelo Tribunal de Justi?a de S?o Paulo. Thales Ferri Schoedl pode recorrer.

Em entrevista por telefone, o advogado de Thales Schoedl, Ov?dio Rocha Barros Sandoval, disse ao G1 ?s 12h50 que soube pela reportagem da decis?o do CNMP. "Ele afirmou que vai recorrer ao pr?prio CNMP contra a decis?o desta segunda-fera. "N?o existe nenhum dado que possa ir contra a decis?o. N?o sei o que alegaram, mas vamos recorrer. O CNMP ? um ?rg?o federal e essa decis?o (pelo afastamento) ? preliminar. Para que haja uma decis?o definitiva, vai haver a possibilidade de defesa", afirmou.

Thales Ferri deveria assumir a promotoria do munic?pio de Jales, a 585 km da Capital, nesta segunda-feira (3). No entanto, na sexta-feira (31), o promotor pediu um m?s de f?rias.

A nomea??o de Thales revoltou a fam?lia do jogador de basquete Diego Mondanez, morto em dezembro de 2004 no litoral paulista, e causou pol?mica entre os integrantes do poder judici?rio e moradores de Jales, que chegaram a iniciar uma campanha para barrar a nomea??o do promotor.

A transfer?ncia ? vista como afronta pelos moradores, pois a fam?lia do jogador possui amigos em Jales. O pai de Diego, Fl?vio Mondanez, ? conhecido na cidade como ?Fl?vio Pira?, apelido herdado na quadra de basquete, quando defendia o time local, vice-campe?o brasileiro na temporada 1994/95.

J? na manh? de quinta-feira (30), dia seguinte ? decis?o do MP, dezenas de moradores foram ao f?rum procurar o MP para pedir explica?es sobre a transfer?ncia.

Entre eles estava o presidente local da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Guilherme da Costa, que condenou a transfer?ncia, mas disse que a subse??o local ficar? isenta at? o julgamento de Schoedl. Os promotores n?o falaram com a imprensa e a assessoria da Procuradoria-Geral de Justi?a n?o se pronunciou publicamente.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar