Nesta quinta-feira (01/03), policiais do 8º distrito cumpriram um mandado de prisão contra um gari identificado como Italo Rafael Santos Silva, acusado de assalto em uma papelaria no bairro Dirceu, na zona Sudeste de Teresina. O criminoso conseguiu roubar R$ 7 mil do local.

De acordo com informações do chefe de investigação, Ramon Reis, a ação aconteceu em dezembro do ano passado e o criminoso teve o auxílio de funcionários do estabelecimento.

“Nós verificamos as imagens de segurança e notamos algo estranho, não houve violência no assalto mas houve uma ação rápida. Ele entrou, no local cheio de clientes, portando uma mochila, boné e já foi direto para os fundos do estabelecimento, o que chamou a atenção da investigação porque ele já sabia onde estava o dinheiro”, afirmou.

O delegado Marcelo Dias ouviu os funcionários do local e ao interrogá-los percebeu que alguns depoimentos não estavam em concordância. “Nossas dúvidas se confirmaram e o funcionário confessou que tinha sido coagido pelo Rafael a dizer o dia que tinha maior quantia em dinheiro e também como seria para fazer esse assalto rapidamente”, declarou Ramon.

Ainda segundo o chefe de investigação, o preso já tinha passagem por assaltos. “Nós consultamos no sistema e ele responde por assaltos. O delegado após fazer todas as peças do inquérito solicitou a prisão preventiva, o juiz deferiu e passamos duas semanas investigando. Hoje conseguimos êxito e ele foi apreendido com uma arma de fogo dentro da mochila no momento em que trabalhava. Acredito que não estava com boas intenções, conseguimos recuperar um celular roubado também”, finalizou.