Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Juiz decreta prisão de 9 por fraude de R$ 1,5 bi na Receita

Juiz decreta prisão de 9 por fraude de R$ 1,5 bi na Receita

Compartilhe

O juiz da 4? Vara Federal Criminal de S?o Paulo, Alexandre Cassetari, acolheu parcialmente pedido do Minist?rio P?blico Federal e decretou nove pris?es preventivas de pessoas investigadas na Opera??o Persona.

A opera??o ? realizada pela Pol?cia Federal, Receita Federal e MPF para apurar a atua??o das empresas Cisco e Mude na montagem de esquema de fraudes que possibilitou sonegar at? R$ 1,5 bilh?o em impostos. As empresas negam as acusa?es.

Seis investigados em pris?o tempor?ria passam agora a cumprir pris?o preventiva: Jos? Roberto Pernomian Rodrigues, Paulo Roberto Moreira, Carlos Roberto Carnevali, Helio Benetti Pedreira, Cid Guardia Filho, o Kiko, e Moacyr Alvaro Sampaio. Eles foram transferidos nesta sexta-feira (26) para uma pris?o em Guarulhos, na Grande S?o Paulo.

A Justi?a determinou ainda a pris?o de outros tr?s acusados: Fernando Machado Grecco, Marcelo Naoki Ikeda e de Ernani Bertino Maciel. O MPF argumentou que soltos eles representam amea?a ? ordem econ?mica e a conveni?ncia da instru??o penal, porque poderiam influenciar testemunhas e outros investigados.

A decis?o judicial foi mantida em sigilo at? a Pol?cia Federal capturar Grecco e Ikeda. Ernani Maciel est? foragido. Ele e a fam?lia teriam deixado sua resid?ncia na noite de quinta-feira (25), horas ap?s ele se apresentar ? Superintend?ncia da Pol?cia Federal e prestar depoimento.

Maciel estava na lista de 41 investigados cuja pris?o tempor?ria foi decretada pela Justi?a Federal. No dia 16 de outubro, quando a opera??o foi deflagrada, o investigado n?o foi localizado pela Pol?cia Federal. Seus advogados informaram que ele se apresentaria desde que fosse revogada sua pris?o, manifesta??o com a qual o MPF n?o concordou.

Quando prorrogadas as pris?es tempor?rias, o juiz n?o revogou as pris?es tempor?rias em vigor, mas decidiu que a de Maciel, bem como a dos outros pessoas n?o encontradas, seria revogada se ele se apresentasse ? Pol?cia Federal para oitiva, o que ocorreu esta semana. Ele foi interrogado e, como determinava a decis?o judicial, liberado em seguida.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar