Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Justiça condena assassinos de policial em Fortaleza

O crime ocorreu no último dia de 2007 contra o soldado Carlos Henrique

Justiça condena assassinos de policial em Fortaleza
|
Compartilhe

Ap?s cinco meses do assassinato do policial militar Carlos Henrique de Carvalho Lima, 24, soldado do Ronda do Quarteir?o, a Justi?a cearense condena os acusados do crime. Na ?ltima sexta-feira, o juiz de Direito Ant?nio Giovani de Alencar, titular da Nona Vara Criminal da Capital, emitiu a senten?a condenat?ria contra os tr?s assaltantes respons?veis pelo crime.

Jos? Erinaldo Sabino, 21; Cleilson Morais dos Santos, o ?Ratinho?, 21; e Marcondes Alves de Lima, 18, foram sentenciados por crime de latroc?nio (roubo seguido de morte). Os dois primeiros receberam uma pena de 24 anos e seis meses de pris?o em regime fechado. O terceiro foi apenado com 24 anos e sua condena??o foi menor por ter confessado o crime, al?m de ser menor de 21 anos na ?poca do assassinato.

Execu??o

O crime ocorreu no ?ltimo dia de 2007, quando o soldado Carlos Henrique, rec?m ingresso nas fileiras da Pol?cia Militar do Estado do Cear?, seguia de casa para seu primeiro dia de trabalho no patrulhamento das ruas. Ele guiava seu ve?culo, um Gol de placas HYI-3612 (CE), quando foi atacado pelos criminosos.

A tentativa de assalto ocorreu na Rua Professor Wilson Aguiar, a poucos metros da Academia de Pol?cia General Edgard Fac?, no bairro ?gua Fria, onde o PM se juntaria a outros colegas de farda e, juntos, formariam uma patrulha para iniciar o policiamento.

Mas, no meio do caminho, ele foi atacado. Os assaltantes sa?ram inesperadamente de um matagal, jogaram pedras contra o carro do PM e este reduziu a velocidade.

Tiros foram disparados em dire??o ao autom?vel. Um deles atingiu a cabe?a do militar, que teve morte instant?nea. Carlos Henrique tombou na dire??o do ve?culo, enquanto os criminosos fugiam novamente pelo matagal ali pr?ximo.

Investiga?es realizadas pelo 26? DP (Edson Queiroz), com o aux?lio do Servi?o de Intelig?ncia da pr?pria PM e da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) e do Departamento de Pol?cia Metropolitana (DPM) resultou na identifica??o e pris?o dos tr?s implicados.

Pres?dios

O inqu?rito chegou ? Justi?a ainda em janeiro ?ltimo, ocasi?o em que o promotor de Justi?a, Domingos S?vio Amorim, ofereceu a den?ncia, baseado em um elenco de provas, al?m da reconstitui??o (reprodu??o simulada) do assassinato - realizada quatro dias depois do crime - e a confiss?o do bandido que atirou contra o militar. Os tr?s condenados j? est?o recolhidos em pres?dios distintos da Grande Fortaleza.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar