mais

Mãe confessa que estuprou e matou a filha de 5 meses afogada: “Odiava ela”

A Polícia Militar foi acionada pelos médicos da UPA, que desconfiarem dos ferimentos nas partes íntimas da criança.

Uma mãe confessou ter afogado e matado a própria filha, que tinha apenas cinco meses. O crime aconteceu na Vila Bandeirante, em Campo Grande, em Mato Grosso do Sul. A vítima, que já estava sem vida, foi levada até uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) na última terça-feira (22), com sinais de estupro.

A Polícia Militar foi acionada pelos médicos da UPA, que desconfiarem dos ferimentos nas partes íntimas da criança. A mãe da vítima, de 21 anos, estava alterada e foi levada à delegacia para prestar esclarecimentos sobre o caso.

Mulher confessa que matou a filha de 5 meses (Foto: Reprodução)Mulher confessa que matou a filha de 5 meses (Foto: Reprodução)

Na delegacia, a suspeita apresentou duas versões diferentes sobre o ocorrido. Primeiro, ela disse que matou a filha sozinha em um cano de água no banheiro, porque precisava tirar um “chip da besta”. Na segunda explicação, a acusada confessou o homicídio, mas disse que não tinha conhecimento sobre as lesões encontradas na região genital da criança.

Com informações do Isto É.

Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail