mais

No Brasil, 72% dos policiais assassinados estavam em horário de folga

472 policiais foram mortos em razão do coronavírus e 194 policiais foram assassinados.

O Anuário de Segurança Pública traz um dado sobre vitimização policial e aponta que eles morreram mais por Covid do que por homicídio.

Um total de 472 policiais mortos em razão do coronavírus, 194 policiais foram assassinados. Do total de policiais assassinados, 62,7% eram negros, 58,9% tinham entre 30 e 49 anos, 98,4% eram do sexo masculino e 72% morreram no horário de folga.

O anuário registra 1 chamado de violência doméstica por minuto em 2020. Foram 694.131 ligações de violência doméstica no 190, o que representa um aumento de 16,3%.

Policiais morreram mais por Covid do que por homicídio (Divulgação)Policiais morreram mais por Covid do que por homicídio (Divulgação)

Mais de 294 mil medidas protetivas

Em 2020 foram concedidas pelos Tribunais de Justiça um total de  294.440 Medidas Protetivas de Urgência, um aumento de 3,6%.

O anuário informa 230.160 registros de lesão corporal dolosa por violência doméstica na Polícia Civil, acréscimo de 7,4%.

O coordenador do Anuário, Renato Sérgio de Lima, falou da fonte extra para investimentos em segurança pública, oriundos das loterias e jogos, no entanto, não foi possível sentir nenhuma mudança na melhoria na segurança pública do País.

Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail