Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Pai de Isabella fica em cela sem cama e madrasta é única detenta do distrito polical

O pai de Isabella será mantido isolado dos demais 33 detentos no local

Pai de Isabella fica em cela sem cama e madrasta é única detenta do distrito polical
Pai de Isabella Nardoni fica em cela sem cama e madrasta é única detenta do distrito polical | Divulgação
Compartilhe

Algemados, Anna Carolina Jatob? e Alexandre Nardoni foram acompanhados por policiais em um forte esquema de seguran?a desde a sa?da do pr?dio onde estavam em Guarulhos, na regi?o metropolitana de S?o Paulo, at? as carceragens onde cumprir?o a pris?o preventiva decretada pela Justi?a. Eles foram presos no come?o da noite de quarta-feira (7) e chegaram aos distritos policiais pouco depois da 1h desta quinta-feira (8).

Alexandre Nardoni foi levado para o 13? Distrito Policial, na Avenida Casa Verde, Zona Norte de S?o Paulo. Anna Carolina Jatob? ficar? provisoriamente no 97? Distrito Policial, em American?polis, na Zona Sul. O pai de Isabella ser? mantido isolado dos demais 33 detentos no local. A madrasta ser? a ?nica detenta no local.

O delegado Reynaldo Peres, titular do 13? DP, afirmou que Alexandre deve ficar algum tempo em cela individual. ?Por livre iniciativa, vou deix?-lo sozinho por um ou dois dias at? sentir se ele pode ir para o conv?vio de outros presos.? De acordo com o delegado, a medida visa unicamente a preserva??o da integridade f?sica do preso.

Atualmente, no 13? DP h? uma m?dia de sete pessoas por cela. Segundo Peres, o ideal seria que fossem cinco. Ele disse ainda que na cela para onde ele foi levado n?o h? cama ou chuveiro. ?Conforto aqui ele pode esquecer?, disse. Ainda de acordo com Peres, o local onde Alexandre est? ? reservado a presos tempor?rios. ? uma cela individual com 2 metros por 1 metro, enquanto as demais t?m 5 metros por 5 metros.

O delegado disse que nem todos os detentos t?m televis?es, mas alguns deles conseguem acompanhar a programa??o das emissoras e conhecem o caso Isabella. Entretanto, ele acredita que o pai da menina n?o ser? hostilizado. "Eles est?o acostumados a receber grandes figuras", disse, em refer?ncia ao jornalista Roberto Cabrini e Oscar Marone, que passaram pelo 13? DP.

Segundo ele, a alimenta??o no local ? diversificada e inclui sempre arroz, feij?o, algum tipo de carne e salada. As visitas s?o permitidas uma vez por semana para familiares mais pr?ximos. Os advogados podem fazer visitas todos os dias, mas em hor?rios determinados.

A defesa de Alexandre Nardoni esteve no 13? DP por volta das 2h desta quinta. Os advogados Ricardo Martins e Rog?rio Neres disseram que estiveram na delegacia para conversar com o delegado respons?vel pela cust?dia de seu cliente. A visita durou menos de dez minutos e Nardoni n?o foi visto pelos advogados, segundo a delegada Sumaya Chahrour.

Anna Carolina Jatob? est? em uma carceragem provis?ria para mulheres. Segundo o delegado Jos? Tanganelli, Anna Carolina deve deixar a carceragem at? as 16h desta quinta, pois ela deve ser encaminhada para um Centro de Deten??o Provis?ria (CDP). Segundo ele, a madrasta de Isabella n?o foi levada para um dos centro de deten??o da capital paulista ainda na quarta porque o hor?rio limite para a transfer?ncia de presos termina ?s 17h.

No distrito policial onde est? Anna h? quatro celas. Cada uma tem aproximadamente 18 metros quadrados. Assim como Alexandre, ela n?o ter? cama na cela e ter? que dormir em um colchonete.

Na tarde de quarta-feira, foi divulgada a decis?o (veja na ?ntegra) do juiz do 2? Tribunal do J?ri do F?rum de Santana, Maur?cio Fossen, que aceitou a den?ncia oferecida pelo promotor Francisco Cembranelli e o pedido de pris?o preventiva. Com a determina??o, o casal passa a ser r?u no processo penal e ? formalmente acusado pela morte de Isabella.

O promotor que acompanha o caso disse acreditar ?que a vontade da sociedade brasileira foi levada em considera??o?. J? os advogados pretendem entrar com um pedido para que o casal acompanhe o processo em liberdade, mas antes pretendem ler o despacho do juiz para depois dar entrada ao pedido de habeas corpus.

A Pol?cia Civil chegou no come?o da noite de quarta para cumprir o mandado de pris?o. O casal s? deixou o apartamento do pai de Anna Carolina depois das 22h30, quando cerca de 800 pessoas aguardavam na frente do pr?dio.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar