A Polícia Militar fechou um canil irregular na Vila Tiradentes, região do Jardim Bonfiglioli, na Zona Oeste de São Paulo, na tarde desta terça-feira (2), e prendeu o responsável pelo espaço. Com informações do G1.

Segundo os investigadores, pelo menos sete animais da raça pitbull foram encontrados no local. Eles sofriam maus-tratos, segundo uma veterinária.

Polícia prende dono de canil ilegal e resgata Pit Bulls maltratados em São Paulo (Foto: Reprodução)Polícia prende dono de canil ilegal e resgata Pit Bulls maltratados em São Paulo (Foto: Reprodução)O dono da casa foi denunciado após viajar no mês de julho e deixar os cachorros amarrados por correntes e coleiras todos os dias.

Os pitbulls ficaram sozinhos na casa e uma pessoa ia alimentá-los uma vez por dia. Imagens feitas por vizinhos mostram os animais brigando tarde da noite, com gemidos e gritos de dor dos animais.

Outras imagens apontam marcas de sangue em alguns outros pitbulls no local, ao lado de uma caixa d'água.

A veterinária constatou que os animais sofriam maus-tratos e estavam feridos e com sinais de desnutrição (Foto: Reprodução)A veterinária constatou que os animais sofriam maus-tratos e estavam feridos e com sinais de desnutrição (Foto: Reprodução)A veterinária Daniela Luise constatou maus-tratos em todos os cães, com sinais de desnutrição, diversos ferimentos, comportamento estressado, parasitas e ambiente insalubre.

“Eles estão em estado deplorável e muito magros. Os animais estão bem debilitados, feridas pelo corpo, cheio de carrapatos, bem judiados mesmo. Então, agora a gente vai tomar as medidas cabíveis e retirar todos os animais do local pra levar pra um destino adequado”, disse a veterinária.

Segundo a polícia, o dono dos animais fez diversas postagens em uma rede social que mostram treinamentos que deixavam os cachorros mais agressivos.

A polícia prendeu o responsável pelos cães e o mesmo passará por audiência de custódia (Foto: Divulgação)A polícia prendeu o responsável pelos cães e o mesmo passará por audiência de custódia (Foto: Divulgação)

O responsável foi preso em flagrante e passará por audiência de custódia na Justiça de São Paulo. A Secretaria da Segurança Pública (SSP) informou que a polícia aplicou as multas devidas.

"O responsável pelos animais foi autuado em flagrante e indiciado por maus-tratos aos animais, conforme prevê o artigo 32 inciso 1º da Lei 9605/98, pela Divisão de Investigações das Infrações Contra o Meio Ambiente, do Departamento de Polícia de Proteção à Cidadania (DPPC). O crime é inafiançável", declarou a SSP.

Segundo a advogada dos denunciantes, todos os cachorros já foram removidos e acolhidos em uma ONG especializada em animais.

Os cachorros já foram removidos e acolhidos em uma ONG especializada em animais (Foto: Divulgação)Os cachorros já foram removidos e acolhidos em uma ONG especializada em animais (Foto: Divulgação)