O policial militar Delmar Camargo, 45, matou a tiros a ex-companheira, o filho e tirou a própria vida na noite dessa sexta-feira (28), informou a corporação. O crime ocorreu no apartamento em que moravam Elenir Teresa Ottowicz, de 42 anos, e Davi Ottowicz Camargo, de 3 anos, no bairro Tabuleiro, em Camboriú, no Litoral Norte, por volta das 23h.

 (Crédito: Reprodução/Facebook)
(Crédito: Reprodução/Facebook)

O casal estaria separado há cerca de seis meses. Na noite dessa sexta, Camargo foi ao apartamento da ex-companheira para buscar o filho, com um buquê de rosas. No local, familiares da mulher faziam um churrasco. Camargo chegou a participar, mas como insistiu em reatar o relacionamento e diante das negativas dela, acabou sendo colocado para fora.

 (Crédito: Reprodução/Facebook)
(Crédito: Reprodução/Facebook)