O segundo suspeito de esfaquear o jornalista Gabriel Luiz, da TV Globo em Brasília, foi preso pela Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) nesta sexta-feira (14).  O criminoso tem 19 anos e não teve o nome revelado. Um adolescente também foi apreendido mais cedo, pelos investigadores da 3ª Delegacia de Polícia (Cruzeiro) e confessou a participação no crime. O menor contou em depoimento que segurou o repórter para o comparsa esfaqueá-lo.

Gabriel Luiz foi agredido perto do prédio onde ele mora, no Sudoeste, na noite de quinta-feira (14). A principal linha de investigação da PCDF é a de tentativa de latrocínio. Os bandidos levaram o celular de Gabriel Luiz, mas o descartaram nas proximidades do local do crime. A carteira do jornalista não foi roubada.

Segundo suspeito de esfaquear jornalista Gabriel Luiz no DF é preso (Foto: TV Globo/ Pedro Henrique Gomes/G1)Segundo suspeito de esfaquear jornalista Gabriel Luiz no DF é preso (Foto: TV Globo/ Pedro Henrique Gomes/G1)

Gabriel foi atingido por diversos golpes no pescoço, no abdômen, no tórax e na perna. Ele teve perfurações no estômago, no pulmão, no pâncreas e no diafragma. Também no braço e no pulso, no pescoço e na perna esquerda, com menor gravidade.

Ele foi levado ao Hospital de Base do DF (HBDF) e passou por várias cirurgias na madrugada e nesta manhã. Todas as operações foram bem-sucedidas e a última, no pulso, foi concluída no fim da manhã. Após a operação, ele foi direcionado para uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Já na tarde de hoje, ele foi transferido para um hospital particular no Lago Sul, Distrito Federal.

Jornalista foi transferido (Foto: Reprodução/ TV Globo)Jornalista foi transferido (Foto: Reprodução/ TV Globo)

Ação dos suspeitos

Câmeras de segurança registraram a aproximação dos homens que atacaram o profissional. As imagens mostram, primeiro, o jornalista passando pelo local. Um suspeito aparece logo em seguida e outro, atrás. Mais à frente, a dupla agrediu Gabriel. Em seguida, os dois saíram correndo em fuga.

O porteiro do prédio do jornalista informou que ele disse que estava saindo em direção a um comércio próximo, quando foi atacado. Ele foi socorrido após pedir ajuda a vizinhos e deu entrada no HBDF consciente.






Ver essa foto no Instagram










Uma publicação compartilhada por Grupo Meio Norte Comunicação (@meionorte)