Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Traficante preso morava a 400 metros da Delegacia de Entorpecentes

Traficante preso

Compartilhe

ACUSADO DE SER UM DOS MAIORES TRAFICANTES DE DROGAS MORAVA ATR?S DA DELEGACIA DE ENTORPECENTES

O melhor lugar para se esconder do diabo ? na boca do inferno. Acusado de ser um dos maiores traficantes de drogas do Piau?, Genivaldo Jos? de Lima resolveu aplicar o ad?gio popular ? risca. Ele foi preso em sua resid?ncia, na Quadra 34, do conjunto Saci, a 400 metros da Delegacia de Entorpecentes.

?? preciso perguntar ao traficante porque morava t?o perto da Delegacia de Entorpecentes. S? sei que encontramos em sua casa j?ias, motocicletas, armas e caminhoneta?, declarou o delegado de Entorpecentes, Jo?o Jos? Pereira, o J.J.

Ele lembrou que Genivaldo Jos? de Lima morava com a m?e no sobrado do Saci, onde foi preso.

O muro do sobrado ? lil?s e a resid?ncia ? pintada de r?seo.

Ele foi preso em uma opera??o conjunta da Pol?cia Rodovi?ria federal (PRF) e Delegacia de Entorpecentes prendeu, na tarde de ontem, o acusado de tr?fico de drogas Caled Luciano de Oliveira um traficante com quilos de coca?na, na Ponte da Amizade, que liga Teresina a Timon (MA).

Caled Luciano de Oliveira, trazia a droga de Bras?lia para Teresina, um Gol. A droga estava escondida no pneu do aut?movel e foi encontrada por c?es farejadores da PRF.

Ap?s a pris?o do acusado, a Pol?cia Civil cumpriu mandado de busca de apreens?o na resid?ncia de Genivaldo Jos? de Lima, receptador da droga.

Os agentes da Delegacia de Entorpecentes apreenderam na casa de Genivaldo Jos? de Lima j?ias, uma motocicleta, uma caminhonete F-250, droga e uma uma pistola 380 .

O delegado de Entorpecentes, Jo?o Jos? Ferreira, o J.J, disse que Genivaldo Jos? de Lima vem sendo investigado pela Pol?cia por tr?fico de drogas. "Ele j? ? conhecido na ?rea", disse.

Segundo ele, patrim?nio de Lima est? avaliado em R$ 200 mil.

A opera??o contou com a participa??o do Servi?o de Intelig?ncia da PRF e da Pol?cia Civil. "? uma parceria que vem dando certo. Pretendemos trabalhar juntos para coibir o tr?fico de entorpecentes no Estado", falou o inspetor Ciro Ricardo Ara?jo, chefe do Setor Policiamento e Fiscaliza??o da PRF.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar