Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Governo eleva projeção de investimentos para R$ 1,5 bilhão

O novo balancete aponta para uma alta na estimativa em 11%

Compartilhe
Google Whatsapp

O Governo do Piauí divulgou na terça-feira, 04 de dezembro, o relatório resumido da execução orçamentária referente ao quinto bimestre de 2018. O documento mostra uma alta na estimativa de gastos com investimento no ano, saindo de R$ 1,415 bilhão prospectado inicialmente, para R$ 1,571 bilhão.

O novo balancete aponta para uma alta na estimativa em 11%, em números absolutos R$ 156 milhões. De janeiro a outubro no Piauí, as despesas liquidadas com investimentos somaram R$ 637,6 milhões. A aplicação de recursos em investimentos é vista como uma estratégia para alavancar o crescimento no nível de empregos e na renda do piauiense, tanto que o Estado tem viabilizado também empréstimos para dar andamento a obras nos municípios.

Mesmo diante da crise financeira que afeta todas as unidades da Federação, o Piauí iniciou somente nos primeiros quatro meses deste ano 20 obras, avaliadas num montante total de R$ 58,331 milhões. Os índices se referem aos órgãos estaduais. Na esfera municipal são outros 25 empreendimentos já viabilizados em 2018. As intervenções abrangem uma série de municípios, como é o caso de Jacobina do Piauí, Dom Expedito Lopes, Marcolândia, Santo Antônio de Lisboa, Campinas do Piauí, dentre outros.

\"\"


Apesar do controle nos gastos, o Poder Executivo tem fixada uma meta de investimentos de pelo menos 10% da Receita Corrente Líquida (RCL), o que corrobora a necessidade de continuar a dar andamento em obras. Cabe indicar que relatório resumido da Secretaria do Tesouro Nacional (STN) já apontou que no ano passado o Piauí foi um dos líderes em investimento, sendo que 10% das despesas foram referentes a tal carteira de projetos; o Ceará apareceu com 12% e o Maranhão com 11%. Nos demais entes, somente o Mato Grosso também atingiu os dois dígitos, todos os outros ficaram na faixa de 2% a 9%.


Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Localização

Definir a localização padrão

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Fique por dentro

Receba notícias quentinhas diretamente no seu whatsapp

Continuar

Falta pouco, agora escolha as categorias que deseja receber notícias

Aperte (ctrl + clique) para selecionar vários
Pronto!

Agora você passará a receber novidades diretamente no seu whatsapp.

Termos de uso

Texto

Política de privacidade

Texto