Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Governo quer abafar CPI dos Cartões

Governo se move para abafar CPI dos Cartões Corporativos

Compartilhe

O presidente Luiz In?cio Lula da Silva vai cobrar fidelidade dos aliados do governo para tentar barrar a CPI dos Cart?es Corporativos no Congresso Nacional, informa o blog do Josias.

Segundo o blog, Lula tem comentado em di?logos reservados que n?o ? poss?vel que o governo, "com o apoio que tem no Congresso", permita que a oposi??o instale "uma CPI como essa, sem o menor sentido".

No entanto, parte dos congressistas governistas vem se queixando de que o governo n?o os vem tratando como aliados, j? que o Planalto demora em oficializar os nomes acomodados nas listas repassadas ao ministro Jos? M?cio Monteiro (Rela?es Institucionais).

O autor do requerimento que prop?e a cria??o da CPI dos Cart?es Corporativos ? o deputado Carlos Sampaio (PSDB-SP).

Os cart?es corporativos do governo foram usados de forma irregular pelos ministros Matilde Ribeiro (Igualdade Racial), Orlando Silva (Esporte) e Altemir Gregolin (Pesca).

Na quinta-feira, os ministros Paulo Bernardo (Planejamento) e Jorge Hage (Controladoria Geral da Uni?o) anunciaram restri?es para o uso dos cart?es.

Entre as medidas anunciadas est? a proibi??o de saques em dinheiro para pagamento de despesas cobertas pelo cart?o, com exce??o dos "?rg?os essenciais" da Presid?ncia da Rep?blica, vice-presid?ncia, e minist?rios da Sa?de e Fazenda, Pol?cia Federal e escrit?rios do Minist?rio das Rela?es Exteriores fora do pa?s. Despesas de car?ter sigiloso tamb?m n?o foram inclu?das na proibi??o.

As novas regras prev?em tamb?m que ministros poder?o autorizar o saque de 30% do limite, o que precisar? ser justificado.

Os gastos com o cart?o corporativo somaram R$ 75,6 milh?es em 2007 mais que o dobro que no ano anterior (R$ 33 milh?es).

Ontem, a ministra Matilde Ribeiro deixou o governo federal ap?s as den?ncias de irregularidades no uso do cart?o. Em 2007, as despesas de Matilde com o cart?o corporativo somaram R$ 171 mil. Desse total, ela gastou R$ 110 mil com o aluguel de carros e mais de R$ 5.000 em restaurantes.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar