mais

Ministro Alexandre de Moraes diz que “a internet deu voz aos imbecis”

Moraes disse ainda que o Poder Judiciário não vai “se acovardar” frente às milícias digitais.

Alexandre de Moraes, ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) afirmou que a internet deu voz aos imbecis, durante o Congresso Brasileiro de Magistrados, em Salvador (BA). O próximo presidente do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) também defendeu o sistema eleitoral brasileiro.

Leia Mais

“A internet deu voz aos imbecis. Hoje qualquer um se diz especialista, veste terno, gravata, coloca painel falso de livros [no fundo do vídeo] e fala desde a guerra da Ucrânia até o preço da gasolina, além de atacar o Judiciário”, disse.

Ministro Alexandre de Moraes diz que "a internet deu voz aos imbecis” (Foto: Divulgação)Ministro Alexandre de Moraes diz que "a internet deu voz aos imbecis” (Foto: Divulgação)“Como não dá para atacar o povo, começaram a atacar os instrumentos que garantem a democracia”. Moraes disse ainda que o Poder Judiciário não vai “se acovardar” frente às milícias digitais e a “movimentos populistas”. Para o ministro, os ataques não são descoordenados e partem de um movimento que “tem muito dinheiro”.

E ele lembrou que “isso foi sendo construído pelos movimentos populistas, principalmente pela extrema-direita”. Por fim o ministro concluiu. “Vamos garantir a democracia no Brasil com eleições limpas, transparentes e por urnas eletrônicas. Em 19 de dezembro, quem ganhar vai ser diplomado nos termos constitucionais, e o Poder Judiciário vai continuar fiscalizando e garantindo a democracia”.

FONTE: Diário do Centro do Mundo
Tópicos

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail