mais

Ministro da Justiça vai trocar diretor-geral da Polícia Federal

O presidente Jair Bolsonaro deu aval para a troca na Polícia Federal

O novo ministro da Justiça, Anderson Torres vai trocar o diretor-geral da Polícia Federal com o aval do presidente Jair Bolsonaro.  O atual chefe da corporação, Rolando de Souza já foi comunicado que será afastado do cargo que está há menos de 1 ano. 

Rolando de Souza  foi escolhido após o Supremo Tribunal Federal (STF) barrar a indicação de Alexandre Ramagem no comando da PF. 

Segundo a colunista Bela Magale, de 'O Globo', a mudança já era esperada, mas delegados acreditavam que qualquer alteração só aconteceria futuramente. Pessoas próximas a Torrres afirmaram que o escolhido tem um perfil técnico e é uma indicação dele próprio. 

Entre os nomes cotados para ocupar o cargo de diretor-geral estão Alessandro Moretti, que foi adjunto da Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal na gestão Anderson Torres, o atual superintendente da PF no DF, Márcio Nunes de Oliveira, o superintendente da PF em Minas Gerais, Cairo Duarte, e o diretor do Detran do Paraná, Wagner Mesquita. Todos são próximos ao novo ministro da Justiça, que também é delegado da corporação.

 O novo ministro da Justiça, Anderson Torres com o presidente Jair Bolsonaro O novo ministro da Justiça, Anderson Torres com o presidente Jair Bolsonaro 

Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail