Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Polêmica no PCCS: 800 servidores ameaçam parar no serviço público municipal em Teresina

Psicólogos, odontólogos, nutricionistas e fisioterapeutas reivindicam inclusão no PCCS da PMT

Compartilhe

O secret?rio municipal de administra??o Luciano Nunes Filho divulgou nota informando que o Plano de Cargos, Carreiras e Sal?rios (PCCS) dos Servidores Municipais que est? sendo discutido na C?mara Municipal contempla todos os servidores inclusive psic?logos, odont?logos, nutricionistas e fisioterapeutas de Teresina.

Segundo ele os crit?rios de progress?o e promo??o utilizados para os m?dicos, fiscais e procuradores s?o os mesmos de todos os servidores, mas essas categorias possuem um plano espec?fico porque solicitaram com anteced?ncia ? Prefeitura atrav?s de seus sindicatos ou organiza?es de classe que defendem os interesses das categorias na Capital.

Luciano Nunes disse que todos os profissionais da ?rea de sa?de est?o contemplados com a mesma vantagem dos outros servidores que possuem n?vel superior e os representantes dessas novas categorias se manifestaram de forma tardia segundo Nunes.

800 Amea?am parar em Teresina

Cerca de 800 funcion?rios da prefeitura da ?rea de sa?de: odont?logos, psic?logos, nutricionistas e fisioterapeutas est?o parados reivindicando inclus?o no PCCS. Nesse instante, o presidente do Conselho Regional de Odontologia, S?rgio Pires; e o Presidente do Sindicato dos Odontologistas, Eduardo Alencar, est?o reunidos com diretores da Secretaria Estadual de Administra??o.

O secret?rio executivo de administra??o, Francisco Canind?, informou que o prefeito est? aberto para negociar com os outros servidores da ?rea de sa?de, mas n?o pode alterar o PCCS porque tem que ser votado e homologado at? o dia 4 de Abril. Caso contr?rio, n?o pode ser implantado em Teresina.

?N?o ? poss?vel acrescentar as reivindica?es de outras categorias porque a lei tem que ser homologada seis meses antes das elei?es porque se formos atender eles, vamos prejudicar todas as outras categorias que v?o ficar sem plano", declarou Francisco Canind?.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar