O presidente do Tribunal de Justiça do Piauí (TJ-PI), Desembargador Oliveira, inaugurou a obra de reforma do Fórum da Comarca de São Raimundo Nonato. O prédio localizado no centro da cidade contou com investimento de R$ 1.209.760,35.

Na solenidade, o presidente do TJ-PI, Desembargador Oliveira falou sobre a importância do Fórum para a Comarca e de como é fundamental que a justiça esteja estruturada no interior do estado.

“Como bem comentou o representante da OAB aqui na cidade, a justiça estadual é a Justiça que atende aos reclames, às demandas daqueles que necessitam de soluções nas Comarcas. Por isso, nossa atenção especial a estas Unidades Judiciárias por todo o estado, sempre trabalhando para estruturá-las de modo a oferecer sempre  os serviços de justiça, de forma mais célere a todos”, destacou o presidente, Desembargador Oliveira.

Reinauguração de fórum em São Raimundo Nonato (Divulgação)Reinauguração de fórum em São Raimundo Nonato (Divulgação)

Fórum bem equipado

O juiz Carlos Alberto, Diretor do Fórum, agradeceu pela nova estrutura recebida e ao empenho dos servidores, sempre dispostos a cumprir bem a missão.

“Estamos recebendo um Fórum bem equipado, com móveis modernos e que vai ajudar na organização dos serviços. É um ambiente de trabalho mais adequado, mais  salubre, amplo, satisfatório. Assim, essa nova estrutura, alinhada à força de vontade de todos os servidores e juízes, com certeza permitirá uma distribuição, além de mais célere, mais efetiva da prestação jurisdicional”, afirmou o magistrado.

Representando a OAB-PI, o presidente da Subseção da Ordem em São Raimundo Nonato, o advogado James Araújo  disse que está feliz por receber de volta a casa da justiça. “Nos honra poder estar aqui na presença dos servidores que sempre tratam a advocacia da melhor forma possível. Eles têm ajudado a levar justiça nessa região”, disse.

A nova estrutura do Fórum homenageia o Desembargador aposentado João Meneses, que em 2003 construiu o prédio inicial. Bem emocionado, ele falou sobre a importância do momento.

ESTRUTURA

O prédio teve reforço e reforma em uma área de 1361,22m². No subsolo funcionará o Juizado Especial Cível e Criminal ( secretaria do JECC, sala de audiência, gabinete do Juiz, Juiz conciliador, Juiz Leigo, sala de mediação e CEJUSC).

No térreo, estarão as salas da Defensoria Pública, MP, OAB, Juiz auxiliar, assessores de Juiz auxiliar, Juiz titular, assessores de juiz titular, 1ª e 2ª vara, sala de distribuição e protocolo.

Já no 1º pavimento estará o tribunal do júri, o plenário, 03 salas de juiz, 03 salas de audiência, 03 salas de assessores de juiz, depósito e oficiais de justiça.