O governador eleito do Piauí, Rafael Fonteles (PT) concedeu entrevista nesta segunda-feira, 3, para equipe do Jogo do Poder, do Jornal Agora, na TV Meio Norte. No primeiro turno, ele chegou a 57,17% dos votos válidos, o equivalente a 1.115.139 votos.

Na entrevista, Rafael agradeceu ao povo do Piauí pela votação histórica. “Agradecer acima de tudo a Deus e aqui estou pronto para cuidar do povo do Piauí”, disse, declarando que ficou emocionado com o recorde histórico de votos. “É sinal de que realmente nossa mensagem chegou aos piauienses e recebemos o resultado com humildade. Estamos entusiasmados para implementar nosso programa de governo a partir do dia 1º de janeiro. Sempre priorizamos propostas e esse será o nosso guia”, afirma.

Sobre o secretariado, Rafael diz que o perfil será baseado na capacidade técnica sem deixar de lado a capacidade política e social. “Qualquer gestor precisa de competência técnica para exercer a função e também capacidade política e social”, disse, anunciando o auditor de carreira da Secretaria de Fazenda e atual gestor da Sefaz, Antonio Luís Soares Santos para comandar a Sefaz a partir de 2023.

Rafael Fonteles diz que a chapa foi eleita tem compromisso com a renovação e vai aproveitar a experiência de quem há muito tempo está na vida pública. “Naturalmente vai ser um mix entre juventude e experiência, como pessoas mais jovens e mais experientes”, comenta.

A escolha de Antônio Luís ser o primeiro nome escolhido é pelo fato de a Secretaria de Fazenda ter uma importância para o equilíbrio financeiro do estado. “Graças a Deus que ele aceitou o convite”, declarou.

Atendimento aos municípios

O Congresso Nacional aprovou muitas quedas do Pacto Federativo de cunho eleitoreiro. Vai gerar uma conta para o povo pagar. “Não pode o Brasil ter 70% de suas receitas na União e a maioria dos serviços públicos concentrados nos estados e municípios que tem menor parte do bolo das contribuições. Isso será um problema que os novos gestores terão que enfrentar

Vai tentar liderar a rediscussão do Pacto Federativo para garantir segurança, saúde e educação com as receitas concentradas na União. “Já estou em campanha para Lula presidente, que tem muito mais capacidade, inclusive, para resolver as desigualdades regionais”, disse, enfatizando que vai discutir receitas.

O governador eleito disse que vai conversar com os todos os prefeitos. “Nosso foco é o povo, que deve ter educação, saúde, segurança melhores”, comenta.

Governador eleito fala de projetos para governo (Portal Meio Norte)Governador eleito fala de projetos para governo (Portal Meio Norte)

Perfil

Questionado sobre sua personalidade, Rafael diz que não tem a linha dura. “Fizemos a campanha mais alegre do Brasil, conseguimos receber  e transmitir alegria, paz e humor. Cada gestor tem seu estilo próprio”, disse, enfatizando que os valores no sentido de entender que na política é resolver os problemas da população é o mesmo.

Rafael destacou que vai ter metas claras que serão exigidas da equipe, com os recursos para execução. “Podem contar que vamos executar o programa de governo que divulgamos ao longo dos debates, das entrevistas”, disse.

Lideranças

O governador eleito pediu desculpas por não ter conseguido responder as mensagens e ligações e prometeu responder todas. “Foi agitado e já comecei a trabalhar para campanha de Lula e vou responder a cada mensagem”, diz, enfatizando que vai governar para todos os piauienses, independente da posição política do prefeito.

Eleição para presidente

Rafael Fonteles falou que será importante a eleição de Lula para presidente. “O Nordeste é que mais uma vez dará vitória a Lula no segundo turno”, disse, destacando que o Piauí vai ampliar a votação do Nordeste em mais de 1,8 milhão de votos. “Vamos trabalhar nas outras regiões e é exatamente por isso que o povo nordestino deve votar em Lula, pois além de ter um alinhamento com o governador eleito, Lula tem mais consciência de que precisa corrigir a desigualdade social histórica”, disse.

Rafael disse que é importante conversar com todos que não votaram em Lula, inclusive, os que votaram no Bolsonaro.

Rafael Fonteles: “Nordeste mais uma vez dará vitória a Lula no 2° turno” (Foto: Portal Meio Norte)Rafael Fonteles: "Nordeste mais uma vez dará vitória a Lula no 2° turno" (Foto: Portal Meio Norte)

Desenho da administração

Rafael Fonteles disse que haverá ajustes administrativos conforme o diagnóstico feito para dar mais eficiência para execução de políticas públicas. “Nosso dever é buscar mais eficiência. O povo espera de nós mais eficiência e resultados melhores. Vamos gerar mais eficiência no setor público”, disse, enfatizando que as secretarias devem gerar mais resultados com menos recursos.

Ele disse que a tecnologia é o caminho para o Piauí. “Queremos tornar o Piauí o estado mais digital do Brasil. Queremos trazer o exemplo da Estônia para o Piauí”, comenta, enfatizando que a tecnologia será uma aliada.

Rafael Fonteles: “Nordeste mais uma vez dará vitória a Lula no 2° turno” (Foto: Portal Meio Norte)Rafael Fonteles: "Nordeste mais uma vez dará vitória a Lula no 2° turno" (Foto: Portal Meio Norte)