As comemorações dos 200 anos de Independência do Brasil serão comemoradas no Piauí de forma muito especial no período de 13 de março de 2022 a 13 de março de 2023.  Para celebrar a luta dos piauienses na unificação do território brasileiro, o governador Wellington Dias lançou nesta terça-feira, 22, o evento das Comemorações dos 200 anos do Piauí.

Na solenidade, Wellington destacou que as comemorações devem ocorrer de forma integrada e, inclusive, já pautou o Fórum de Governadores para celebração do bicentenário da independência do Brasil e comentou que essa integração será mais especial no Nordeste brasileiro e tem ainda a previsão da vinda do primeiro-ministro de Portugal ao Brasil no mês de maio.

Segundo Wellington, todos os anos o Piauí tem uma agenda da independência e neste ano haverá um reencontro com as origens. "Vamos trabalhar um cronograma cultural com a publicação de um livro em parceria com a Academia Piauiense de Letras", disse Wellington declarando que será realizado um conjunto de concursos que integram escolas, academias. "Será um resgate e aprofundamento em nossa história", disse Wellington.

O governador citou ainda os filmes "Jenipapo: a última fronteira da independência" no formato de minissérie; A História de Mandu Ladino, O Último Guerreiro e ainda um filme sobre a história de Esperança Garcia, reconhecida pela Ordem dos Advogados do Brasil como a primeira advogada negra do Brasil, que fez petição denunciando as agruras da escravidão no estado.

Ao falar da história do Piauí, o governador declarou que os piauienses devem ter orgulho de sua história, da luta pela independência e destacou a evolução econômica e social, citando que o Piauí sempre foi exportador e hoje continua com a comercialização de grãos, especialmente soja.

Governo do Piauí lança programa de 200 anos de Independênica (Régis Falcão/CCOM)Governo do Piauí lança programa de 200 anos de Independênica (Régis Falcão/CCOM)

Avanços

Na educação, destacou avanços em toda cadeia, do ensino infantil ao superior, citou avanços na prestação de serviços, na infraestrutura e ressaltou a importância de comemorar os fatos históricos. "Com essas comemorações, o objetivo é levar esses 200 anos para ser lembrado em cada município", explica, enfatizando que as lutas ocorridas no Piauí foram responsáveis por consolidar a unidade nacional. "Que possamos organizar uma agenda em que todos os meses possamos reviver os feitos que são frutos dos ideais da independência", declarou.

João Henrique: WD deixa legado  na história

Representante do prefeito Dr. Pessoa, o secretário de Planejamento, João Henrique de Almeida Sousa, destacou ser este um momento importante da história e exaltou a iniciativa do Governo do Estado em celebrar a data.

Emocionado, João Henrique disse que o governador Wellington Dias representa bem a história dos piauienses, pois veio de origem humilde e passou por todos os cargos eletivos e prestes a sair do Governo, deixa um legado, que é uma mulher governadora, como a professora Regina Sousa.

Ribamar Oliveira: É preciso cultuar os heróis

Presente ao evento, o desembargador José Ribamar Oliveira, presidente do Tribunal de Justiça, destacou a relevância de exaltar os heróis. "É importante cultuarmos nossos heróis. No Rio Grande do Sul, por exemplo, encontramos a estátua de um guerreiro em cada praça", citou, enfatizando que o governador Wellington dias está no caminho certo ao resgatar a história do Piauí na independência.

Na solenidade, o presidente do Conselho Estadual de Cultura, que preside a comissão das celebrações da independência, citou os heróis piauienses que lutaram contra as tropas de Fidié.

Regina Sousa destaca projeto do Grupo Meio Norte

A vice-governadora Regina Sousa destacou a iniciativa do Grupo Meio Norte de Comunicação que também tem projeto para celebrar os 200 anos de Independência do Brasil e disse que, com certeza, as comemorações do bicentenário envolverá as escolas.

"Precisamos mergulhar na história do País para trazermos histórias verdadeiras e trazer à população o que de fato ocorreu", disse Regina, enfatizando que espera que a comissão seja capaz de organizar uma grande festa.