Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
Jornal Agora

Fazenda da Paz já ajudou mais de 35 mil famílias de dependentes químicos

Compartilhe

O trabalho desenvolvido pela Fazenda da Paz em 27 anos, ajudando mais de 35 mil famílias de dependentes químicos, foi destaque em uma reportagem especial exibida no Jornal Agora desta segunda-feira (22/02).

A repórter Shirley Evangelista contou histórias como a de Carlos Eduardo, que chegou a pesar 44 quilos, desnutrido em razão do excesso no uso de drogas, vendeu tudo que tinha para alimentar o vício, mas deu a volta por cima e hoje é coordenador de um curso universitário. Trouxe ainda o relato de Marcos Fernandes, que começou a fumar maconha por curiosidade, até que se viciou em crack e perdeu tudo.

Hoje, sóbrios há mais de 10 anos, eles dão o testemunho de que foram salvos graças ao trabalho da Fazenda da Paz, comunidade terapêutica que tem como missão prevenir, acolher e reinserir dependentes químicos na sociedade. 

Célio Barbosa, coordenador da Fazenda da Paz, também tem sua história marcada pelas drogas, que o empurrou para o caminho da criminalidade. “A droga não tem segmento, atinge a sociedade mais sólida e a que não tem estrutura”, diz.

O projeto que hoje acolhe dependentes, sem cobrar nada das famílias, nasceu em 1995, quando Célio se mudou para Teresina e conheceu o padre Pedro Balzi. Juntos, eles deram início à comunidade terapêutica, que hoje funciona em sedes na capital e em Timon (MA). 



Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar