Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
Jornal Agora

Gustavo Medeiros dará prioridade a redução de gastos com pessoal em União

Compartilhe

 Francy Teixeira

O jornalístico 'Agora' da Rede Meio Norte deu sequência a série de entrevistas com os prefeitos eleitos dos municípios piauienses, desta vez o entrevistado pelo apresentador Amadeu Campos foi o vitorioso em União, Gustavo Medeiros (Democratas). Na entrevista, o novo prefeito destacou que já está encaminhando a transição no município, verbalizando sobre a campanha que o levou a obter o primeiro lugar na corrida eleitoral. "Todas as eleições foram muito emocionantes, campanhas vibrantes e agora com esse resultado ficamos muito satisfeitos. Recebe uma influência grande do eleitorado de Teresina, está na RIDE e por isso tem muito mais valor, enfrentamos um candidato do governador, que era o mesmo do prefeito atual. Já encaminhamos ofício designando equipe de transição, fomos recebido e espero que esta semana já tenhamos informações importantes", disse. 

Questionado sobre as prioridades, Gustavo Medeiros apontou a redução nos gastos com pessoal para adequação aos limites impostos pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), além do setor da saúde.  


"Prioridade nossa é a despesa de pessoal, precisamos reduzir sob o risco de continuar infringindo a legislação de responsabilidade fiscal, e claro a saúde, que as Unidades Básicas voltem a funcionar, que o dinheiro da Covid seja aplicado da maneira correta e que o hospital volte a fazer cirurgia", apontou. 

No que se refere às denúncias sobre a atua gestão, o prefeito eleito indicou que esperará a atuação dos órgãos responsáveis. "Vamos esperar a atuação dos órgãos de controle, órgãos de fiscalização", disse.  

Aliado do senador Ciro Nogueira (Progressistas), Medeiros apontou que espera manter o diálogo com o governador Wellington Dias (PT) pelo bem da população do município. "Temos que pensar o que é melhor para União, se fosse parlamentar como fui estaria na oposição, e nós precisamos muito do Governo do Estado, queremos que as obras continuem, queremos entendimento com o Governo e que possa atuar em União e fazendo parcerias nas mais diversas áreas, não esquecendo o principal problema de União que é a água", frisou.


Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar