Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
Jornal Agora

Parnaíba: Prefeitura nega ter servido din din em merenda escolar

Compartilhe

A falta de merenda escolar em escolas municipais de Parnaíba foi destaque durante o Jogo do Poder desta segunda-feira, dia 07. A diretora de uma das escolas,  da Unidade Antonio Tomaz, para não deixar os alunos com fome, teria ordenado a preparação de din din feito com biscoito salgado. Imagens da suposta “merenda” teriam circulado nas redes sociais e causaram bastante revolta.  Em nota, a diretora negou que tenha servido din din para os alunos. 

O secretário de Educação, Carlos Alberto, divulgou uma nota oficial admitindo que houve falta de merenda nas escolas municipais. Mas, segundo ele, a falta ocorreu após o fornecedor atrasar a entrega da merenda. Ele informou que não foi falta de pagamento. Na nota, Carlos Alberto explica que a prefeitura realizou pagamento, esclarece que o éum contrato novo. Ainda segundo o secretário, o fornecimento já foi reestabelecido nesta segunda-feira. (07). 

 class=

Bastidores da Política 

O pré-candidato à  Presidência da República, Geraldo Alckmin, visitou Teresina  neste final de semana. O tucano participou de um jantar na casa do presidente nacional do Progressistas, senador Ciro Nogueira (PP). O encontro contou com a presença de lideranças políticas e aliados.

Segundo apurou Samantha Cavalca, a escolha do jantar na casa de Ciro Nogueira faz parte da estratégia do presidenciável que busca apoio do Progressistas. A aliança com o presidente nacional do PP, segundo Samantha, não seria apenas para fortalecer a chapa de Alckmin, mas também porque o tucano precisa formar palanque forte no Piauí. 

Alckmim declarou que nada ficou firmando. “O senador Ciro Nogueira não me prometeu nenhum apoio. O PP lá em São Paulo faz parte da nossa base de alianças e nos apoiou, faz parte do governo. O PP é um aliado nosso lá, mas não houve essa promessa”, disse o governador de São Paulo.  

O presidenciável acrescentou que as alianças vão acontecer mais na frente, e explicou o porquê. “Quem tem candidato quer fazer aliança rápido; quem não vai ter candidato, não tem pressa. Faz em junho, em julho. Essa coisa de aliança fica mais para frente”, disse. 

O tucano também comentou sobre a candidatura de Luciano Nunes ao governo do Piauí. “Eu fiquei muito feliz porque acho que é uma liderança muito jovem, mas com uma bagagem política muito importante. Experiência. Liderança.  E eu acho que é tudo que a população, que a sociedade deseja: você mudar, mudar para melhorar, e não trocar seis por meia dúzia. Você mudar a maneira de fazer Política, e governo não é para se perpetuar no poder. Governo é para servir a sociedade. Eu vejo o Luciano como uma liderança muito jovem. Vejo no Luciano como uma grande liderança. Nós estamos muito confiantes no resultado eleitoral aqui no Piauí", acredita. 

E  garantiu: "Médico tem olho clinico”. 


Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar