mais
Jornal Agora

PI: Número de assassinatos de mulheres cresce 65% em cinco anos

PI: Número de assassinatos de mulheres cresce 65% em cinco anos

O número de assassinatos de mulheres cresceu 65% em cinco anos no Piauí. Os dados são do Instituto de Pesquisa Econômica Ampliada (Ipea) e do Fórum Brasileiro de Segurança Pública. No domingo (04), uma mulher identificada como Rosielma Sousa foi morta a tiros pelo ex-companheiro no centro da cidade de Curral Novo, na região Sudeste do Piauí. 

A delegada Eugênia Villa, diretora de Gestão Interna da Secretaria da Segurança Pública do Piauí, durante entrevista ao vivo no Agora da Rede Meio Norte, falou sobre os dados alarmantes e informou o que pode ser feito para diminuir os casos de violência contra a mulher.

Delegada Eugênia Villa (Crédito: Rede Meio Norte)
Delegada Eugênia Villa (Crédito: Rede Meio Norte)

“A única formula de nós atuarmos dentro da casa, de uma residência: a polícia só entra depois que ocorre o crime e isso é fato, com ordem judicial ou em flagrante de delito e por conta disso o secretário Fábio Abreu criou o aplicativo Salve Maria, disponível para todas as mulheres. Com o aplicativo, você tem o Botão do Panico, as mulheres, os vizinhos poderão alerta a polícia naquele momento do cometimento da violência e nós já temos resultado do Salve Maria. Nós, inclusive, já descobrimos que quem aperta o Botão do Pânico é o vizinho, a vizinha. Quero aqui valorizar o trabalho da Polícia Militar, pois todas as ocorrências estão sendo assistidas', afirmou.

Segundo a delegada, o aplicativo está possibilitando trabalho de prevenção e evitando tragédias maiores. “Quando a polícia chega lá, na casa, a violência cessa e a gente não consegue saber o local exato da violência, quer dizer, na hora em que o agressor ouve a sirene da polícia, vai cessar a violência”, explicou.

Para Eugênia Villa, o medo de denunciar continua sendo o principal problema. “Contribuí demais para o aumento desses dados e aqui vai novamente uma mensagem para as mulheres: o silêncio está matando. Nós verificamos que nos inquéritos policiais dos feminicidios que mais de 80% delas sofreram violências anteriores e nunca se dirigiram a uma autoridade policial”, enfatizou.

Entre os anos de 2010 e 2015, o Piauí registrou acúmulo de 54% em homicídios, sendo que a partir de 2015 a taxa reduziu 9,6% em relação ao ano anterior. Foram registrados 20,3 homicídios por cada 100 mil habitantes em 2015, contra 22,4 em 2014.De acordo com a publicação, o Piauí foi o estado em 2015 com a menor taxa de homicídios entre as 27 unidades da Federação.


Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail