mais
Jornal Agora

Fabiano Contarato e Renan Calheiros concedem hoje entrevista para Rede MN

Participam do quadro Jogo do Poder o apresentador Amadeu Campos e o comentaristas políticos Ananias Ribeiro, Arimateia Carvalho, Ranielly Veloso, João Carvalho e Sávia Barreto

Político em ascensão no Congresso Nacional, membro atuante da CPI da Pandemia no Senado e cortejado por ao menos três partidos , o senador Fabiano Contarato (Rede-ES), vai conceder entrevista ao quadro Jogo do Poder, na Rede Meio Norte, a partir das 13h30, nesta quinta-feira (14). Participam do quadro o apresentador Amadeu Campos e o comentaristas políticos Ananias Ribeiro, Arimateia Carvalho, Ranielly Veloso, João Carvalho e Sávia Barreto.

Em entrevista concedida recentemente, o parlamentar disse, que acredita que irá se sair melhor nas disputas eleitorais em 2022 quem conseguir se contrapor ao presidente Jair Bolsonaro. Crítico da expressão “terceira via”, ele flerta com PT, PSB e PDT e pode  disputar o governo do Espírito Santo no ano que vem.

Na CPI, Contarato protagonizou há alguns dias um momento tenso ao confrontar o empresário bolsonarista Otavio Fakhoury por  uma manifestação homofóbica a seu respeito. Gay, casado com o fisioterapeuta  Rodrigo Groberio, com quem tem os filhos Gabriel, 7, e Mariana, 2, o ex-delegado de trânsito defendeu que a solidariedade recebida se transforme em apoio a projetos de lei para garantir direitos da da população LGBTQIA+. 

Senador Fabiano Contarato concede entrevista para Jogo do PoderSenador Fabiano Contarato concede entrevista para Jogo do Poder

Relator da CPI Covid, senador Renan Calheiros concede entrevista à Rede MN

Logo em seguida, às 14h30, o relator da CPI da Pandemia, senador Renan Calheiros (MDB-AL), também vai conceder entrevista exclusiva para o Jornal Agora, na Rede Meio Norte, nesta quinta-feira (14). 

Direto de Brasília, a correspondente Ranielly Veloso conversa com o senador para comentar  as principais pautas da CPI Covid, como o relatório final que terá mais de 40 nomes, incluindo o atual ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, o ex-chefe da pasta Eduardo Pazuello e membros dos chamados "gabinete do ódio" e do "gabinete paralelo", além do episódio envolvendo a Prevent Senior.

Recentemente, o parlamentar afirmou que quer propor no documento final um projeto de lei criminalizando a disseminação de fake news. Calheiros estuda uma pena de até dois anos para quem cometer o ato.

Senador Renan Calheiros concede entrevista para Rede Meio Norte Senador Renan Calheiros concede entrevista para Rede Meio Norte 

Segundo Renan Calheiros, já há discussões sobre o tema no Congresso Nacional, mas ele pretende incluir essa sugestão no relatório final da comissão porque isso facilitaria a tramitação do projetos e permitir que ele fosse diretamente ao plenário.

O senador entende que a CPI abriu uma linha de investigação sobre disseminação de desinformação nas redes, como por exemplo sobre o uso de tratamentos ineficazes contra a Covid-19.


Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail