Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
Jornal Agora

Senador João Alberto defende apoio do governo contra violência

Compartilhe

O Senador João Alberto Souza (PMDB-MA) esteve no Programa Agora, nesta quinta-feira (18), onde concedeu entrevista. O senador comentou a pauta da redução da maioridade penal e segurança pública não apenas no Maranhão, mas em todo o país.

“O senado funciona com colégio de líderes, onde os líderes se reúnem e escolhem a matéria do mês. Por exemplo, o que nós vamos votar no mês de fevereiro foi escolhido pelos líderes. O que se acha mais importante no momento talvez não seja a questão da maioridade penal”, disse o Senador sobre a não votação do projeto de lei que defende a redução da maioridade penal.  

Entrevista no estúdio do Programa Agora (Crédito: Kelson Fontenele )
Entrevista no estúdio do Programa Agora (Crédito: Kelson Fontenele )

Com o aumento da participação de menores de idade em crimes no Brasil, alguns apoiam a redução da maioridade penal como alternativa de reduzir essa incidência. “Eu quando fui governador eu reduzi a criminalidade no Maranhão. O governador tem que entrar na questão da segurança pessoalmente, chegando primeiro do que o bandido junto com as forças de segurança. O cidadão tem que saber que o crime não compensa e no Maranhão era assim quando eu governava. A sociedade reflete o momento que precisa de segurança. O governo precisa está junto com a polícia. Eu vejo bandidos se sobrepondo à segurança legal. Não sei se isso acontece no Piauí, mas muitos soldados na rua armados, estão com medo; agora imagina a população”, declarou.

O Senador defendeu ainda a autoridade dos pais em casa como medida de educação que pode ser imitada pelos poderes executivos no Brasil. “O que está acontecendo é que nós estamos nos escondendo, muitos presídios são escolas de bandidos. Não estou falando do Piauí, estou falando em termos gerais”, acrescentou.

Confira entrevista completa: