Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
Jornal Agora

Servidores do Judiciário do Piauí paralisam as atividades

Compartilhe

Servidores do Judiciário do Piauí paralisaram suas atividades para promover uma mobilização contra o projeto de lei complementar que está previsto para ser votado nesta semana na Câmara Federal em Brasília, que desde março, vem sempre causando polêmica. O projeto propõe a renegociação das dívidas do Estado com a União com prazo superior a 20 anos para quitação. 

Por outro lado com a aprovação da matéria, o Governo Federal coloca os servidores públicos como responsáveis pelo pagamento da conta. "O maior prejuízo é aos servidores, em todas as esferas, municipal, estadual e federal, e principalmente, aos usuários dos serviços públicos que vai sentir na pele a falta desses serviços", disse Carlos Eugênio, presidente da Associação dos Servidores do Judiciário do Piauí. 

O projeto de lei também traz prejuízos para a sociedade em geral. Com o arrocho salarial, ficam proibidos reajustes ou adequação de remuneração aos servidores que há 4 anos não recebem as devidas composições salariais. Impede a projeção em planos de cargos e carreiras, novas contratações e nomeação de servidores já aprovados em concursos públicos. " A sociedade será atingida no momento em que os Estados que assinarem esse acordo, estarão vetados em conceder reajuste aos seus servidores e fazer contratações também", finalizou Carlos Eugênio.