Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros
Bom Dia Meio Norte

"Não quero que a odeiem", pede pai após acusações de Giovanna Gabriely

"Não quero que a odeiem", pede pai após acusações de Giovanna Gabriely
| Reprodução/Bom Dia Meio Norte
Compartilhe
Google Whatsapp

O professor e pastor Gudson Costa, pai da jovem Giovanna Gabriely, esteve na manhã desta sexta-feira (08/11), nos estúdios do Bom Dia Meio Norte onde falou sobre os últimos acontecimentos envolvendo seu nome e sua filha. 

O pastor está sendo acusado pela menor de abuso sexual, fato que desmente. O pai afirmou que está disposto a fazer todo tipo de exame para confirmar sua versão. 

“Eu não quero que ninguém a odeie, quando a gente é jovem a gente fala bobagens, existe descontrole, depois nos arrependemos, eu quero que a amem, como eu a amo independente das coisas que falou a meu respeito. Ela disse coisas que eu fiz de atos que seriam de abuso sexual, maus tratos, coisas que não fazem parte da realidade”, disse ele.


Gudson Costa é professor há quase 20 anos e pastor há 10. “Eu tenho um trabalho na capital que é desconhecido porque eu não quero mídia, eu tenho um trabalho dentro das favelas de Teresina e a gente recupera vidas, eu tenho vidas transformadas. Se eu luto por essas pessoas, como não lutar pela minha filha? As declarações foram fortes, terríveis, fiquei exposto, mas elas não podem superar a filha que ela foi, a filha que disse eu te amo”, afirmou o pai.

O pastor afirmou que já existiu situações em que ele teve que impor limites a jovem em relação a relacionamentos. “Eu não quero nem chamar de brigas, mas das minhas posições como pai, nós temos que ter atitude para colocar limites na família, quando você vive sem limites você traz para si. Já teve proibições de relacionamento que eu não aceito, enquanto tiver debaixo do meu teto tem que ser nos meus padrões e quando existe essa imposição que eu não aceito causa uma resistência. Quero me deter a certeza de que nós temos que tirar uma lição. Eu costumo dizer que as condenações dos homens são cruéis, mas pior é a condenação em si mesmo, então eu quero falar para minha filha você diz coisas mas a explicação vai chegar e quando ela chegar que a consciência dela perceba”, declarou ele acrescentando que até o momento não teve contato com a menor. “Tenho que esperar o encerramento do processo”. 


Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Localização

Definir a localização padrão

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Fique por dentro

Receba notícias quentinhas diretamente no seu whatsapp

Continuar

Falta pouco, agora escolha as categorias que deseja receber notícias

Aperte (ctrl + clique) para selecionar vários
Pronto!

Agora você passará a receber novidades diretamente no seu whatsapp.

Termos de uso

Texto

Política de privacidade

Texto