Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
Bom Dia Meio Norte

Polícia prende acusado de fazer delivery de drogas em bordeis

Compartilhe

Nesta quinta-feira (08/06), Policiais da Delegacia de Prevenção e Repressão a Entorpecentes prenderam um homem identificado como Paulo Henrique acusado de fazer delivery de drogas em bordeis de Teresina. Com ele, foram encontrados mais de 40 trouxas de crack e cocaína e duas mulheres foram conduzidas para delegacia como usuárias de entorpecentes.

De acordo com o coordenador da DEPRE, Menandro Pedro, a denúncia para o acusado já vinha há muito tempo. “Cerca de três meses nós recebemos uma denúncia aqui na delegacia e fomos fazer várias campanas. Não tínhamos conseguido ainda dar um flagrante nele, as informações que a gente tinha era que era uma pessoa que usava um mototáxi, chegava em bordeis na região e repassava para as prostitutas tanto a cocaína como a pedra do crack. Nessa época nós não conseguimos obter êxito, mas essa denúncia chegou de novo e as equipes foram até lá e deram o flagrante dele na moto repassando a droga. O delegado deu voz de prisão e conseguiu apreender 43 pedras de crack, cinco pacotes de cocaína e para as prostitutas foram feito autos circunstanciados e ele foi autuado em flagrante e delito”, declarou.

Ainda segundo o delegado, o acusado não tinha passagens pela polícia. “Me parece que ele além de traficante é usuário de crack, não tem onde morar e pegou a oportunidade de pegar o crack e a cocaína de alguém que ele não quis dizer o nome e repassar para começar a ganhar dinheiro assim. Isso ele já estava fazendo há muito tempo e hoje nós conseguimos acabar com o tráfico na região”, disse.

O acusado declarou que a venda era só nas horas vagas. “Eu comprei a droga no CSU, comprei com meu dinheiro para vender, para morar com minha mulher e meu filho, a moto era só para trabalhar como pedreiro e nas horas vagas o pessoal me ligava e eu ia despachar”, afirmou.



Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar