As Polícias Militar e Civil de Timon continuam a procura por Fabrício da Conceição Santos, de 26 anos. Ele é acusado de assassinar a facadas a própria mulher, identificada como Cleiseane Borges da Silva. O feminicídio aconteceu na última segunda-feira (08), no povoado Itaguará, na zona rural do município de Timon.

Ao MeioNorte.com, o Tenente Francisco Sousa, do 11° BPM de Timon, informou que as buscas pelo suspeito foram iniciadas logo após o crime, mas que o indivíduo ainda não foi encontrado. De acordo com ele, a motivação do crime teria sido passional.

Polícia continua busca por suspeito de matar a própria companheira em TimonPolícia continua busca por suspeito de matar a própria companheira em Timon

"Nós acreditamos que tenha sido motivos passionais. Ele estava muito agitado no dia do crime, exatamente como familiares e as pessoas que estiveram lá nos repassaram. Quando nós tivemos conhecimento, a vítima já estava vindo pra UPA. De posse das informações, começamos as diligências".

O tenente comentou ainda sobre a informação de que Fabrício também teria tentado contra a vida dos filhos da vítima, sendo um deles também seu filho.

"Ele tentou contra a vida dos filhos, dos filhos dela e um dele. Ela tinha três filhos de outro casamento e ele tentou contra vida desses, mas graças a Deus ele não conseguiu. As crianças foram mais espertas e conseguiram fugir no exato momento. É uma pessoa de alta periculosidade", disse o tenente.

Sobre uma suposta fuga do suspeito de ônibus para fora do município, Francisco Sousa afirmou que, ao se deslocar para o local da denúncia, foi constatada a não veracidade da informação. Segundo ele, um outro homem teria sido confundido com o suspeito.

"Fizemos a abordagem na pessoa por ter fundado a suspeita, verificamos todos os indícios, mas não foi constatado. Verificamos que trata-se realmente de outra pessoa que pode provar a documentação", declarou.

Relembre o caso

Uma mulher identificada como Cleidiane, mais conhecida como Gonga, de 31 anos, foi assassinada a facadas nesta segunda-feira (08) na localidade Taguará, na zona rural da cidade de Timon, no Maranhão.

Ao MeioNorte.com, o Tenente Francisco Sousa, do 11° BPM de Timon, informou que o principal suspeito do crime se trata do próprio companheiro da vítima, que está foragido.