Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
Notícias da Boa

Surto de leptospirose na Cadeia Pública de Altos mata 5º detento

Compartilhe

O surto de leptospirose detectado na Cadeia Pública de Altos matou mais um detento.Isac Gomes de Oliveira morreu na madrugada desta segunda-feira, no Hospital Getúlio Vargas, para onde foi encaminhado após complicações pela infeccção que acometeu 48 detentos da Casa de Detenção.Todos os cinco mortos apresentaram insuficiência renal, complicações neurológicas, com paralisia de membros inferiores e superiores. Exames laboratoriais feitos nos detentos que apresentaram os primeiros sintomas, como febres e vômitos, apontaram para a infecção, causada pela contaminação da água com urina de ratos.


Vinte dias depois da descoberta do surto, 33 detentos ainda permanecem internados. A advogada Lina Brandão, coordenadora do Núcleo de Averigaução de Tortura do Tribunal de Justiça do Piauí (NANT) teve acesso à lista de presos internados e a situação de cada um deles. Além de Isaa, que morreu, outro paciente está em estado "gravíssimo". Há também o registro de um detento que testou positivo para COVID-19. Os detentos estão internados no HGV e em hospitais municipais, como o Parque Piauí. As duas instituições de saúde também atendem casos de pacientes do Covid19. No Hospital Getúlo Vargas, todos os leitos de UTI destinados ao tratamento de infectados com o novo coronavirus estão ocupados.


O documento que detalha o estado de saúde dos detentos foi emitido pela Secretaria de Justiça, atendendo à ofício encaminhado pela coordenadora do NANT. O boletim tem os nomes dos detentos e os sintomas que eles apresentam. os mais recorrentes são " síndromes gripal e fraqueza", há registros de dor abdominal, "formigamento" e "dormência".
Devido ao estado de saúde dos detentos, 11 receberam alvará se soltura para tratamento, emitidos pelo juiz Vidal de Freitas.

 O surto da doença foi confirmada pelo superintendente de Atenção Primaria à Saúde e Municípios da Secretaria Estadual de Saúde, Herlon Guimarães, em reunião com o promotor de Justiça Paulo Rubens. Denúncias sobre a doença na Casa de Detenção começaram no início do mês e foram feitas por familiares do detento Francisco Wellington Santos . Durante videoconferência, que substitui as visitas por causa do novo coronavírus, familiares foram surpreendidos com o detento numa cadeira de rodas, com braços e pernas imobilizados. Wellington morreu na última sexta-feira,15, no HUT. Dos 53 detentos da Instituição, 48 foram submetidos a exames por apresentarem sintomas de insuficiência renal.  

 Familiares do detento Francisco Wellington relatam situação crítica na cadeia/Reprodução

“A leptospirose é uma doença infecciosa febril aguda que resulta da exposição direta ou indireta a urina de animais (principalmente ratos) infectados pela bactéria Leptospira; sua penetração ocorre através da pele com lesões, pele íntegra imersa por longos períodos em água contaminada ou através de mucosas” (Ministério da Saúde)

No site do Ministério, também há informações de que a leptospirose oferece alto risco de letalidade, “que pode chegar a 40% nos casos mais graves.” E também acrescenta que a ocorrência de surtos “ está relacionada às condições precárias de infraestrutura sanitária e alta infestação de roedores infectados”.

Inaugurada no dia 23 de setembro de 2019, a Cadeia Pública de Altos é considerada pela Secretaria de Justiça do Piauí como “ a maior e mais moderna do estado”, com possibilidade de receber “603 presos provisórios”. A Casa de Detenção demorou três anos para ficar pronta “além de desafogar o sistema penitenciário, o principal objetivo desta cadeia é a ressocialização por meio da educação e profissionalização”.

O Ministério da Saúde tem orientações que devem ser seguira pelos gestores estaduais e municipais em casos de suspeita de Leptospirose. É obrigatória a notificação de todo caso suspeito da doença, para o desencadeamento de ações de prevenção e controle.

Consulte a lista dos internos hospitalizados.

 


Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar