Aprenda como ter melhor orgasmo da sua vida com 6 dicas infalíveis

A imaginação é sempre um gatilho para esquentar a relação

Tanto os homens como as mulheres conseguem ter um orgasmo mais satisfatório quando o prazer é construído lentamente. Mais ainda, diz a pesquisa, quando ele é adiado e desacelerado antes de terminar. A seguir, listamos algumas atitudes simples que podem te ajudar a ter o melhor orgasmo da sua vida.


Image title

Dicas de sexo que facilitam orgasmo

Liberte-se e use a mente a seu favor

Para descobrir o que te excita, acesse sites e veja filmes pornôs, observe quais cenas mexem com você e despertam mais tesão, como se relacionam os personagens e, na próxima transa, direcione sua mente para estas cenas. A imaginação é sempre um gatilho para esquentar a relação, e atingir o máximo prazer, mesmo que seu parceiro não esteja envolvido na situação.

Conheça seu corpo e zonas erógenas ao se masturbar

Descubra seus pontos fracos, estimule suas zonas erógenas e entenda cada mínimo detalhe do seu corpo. Não tenha vergonha nem receio de se masturbar até chegar ao orgasmo para descobrir o caminho até lá. Assim, você treina suas aptidões, posições mais confortáveis para o corpo e até intensidade dos gemidos que mais lhe dão prazer.

Descubra qual é seu xeque-mate

Hora de descobrir não só seu ponto G, mas aquela arma fatal! Se há muita divergência quanto à existência ou à localização do ponto exato, experimente qual posição, pegada, ou arma secreta te leva à loucura. Às vezes, chegar ou não ao clímax está a uma mordida no pescoço de distância! Ou a um sussurro bem sem-vergonha no ouvido. Se quiser buscar o seu ponto G que, para a maioria das mulheres, está localizado na parede vaginal a uma altura específica - e relativa, para cada uma (que seria entre 4 a 5 centímetros), peça ajuda ao parceiro! Senão, exercite com os dedos ou um vibrador.

Desacelere a subida ao prazer, adie o clímax


Tanto homens como mulheres alcançam um orgasmo mais satisfatório quando o prazer é construído lentamente, revelou um novo estudo publicado no Journal of Sex Research. Mais ainda, diz a pesquisa, quando ele é adiado e desacelerado antes de terminar. O estudo foi realizado com 38 homens e mulheres que interromperam sua masturbação pouco antes do ápice e revelaram ter orgasmos muito mais intensos e satisfatórios quando finalmente chegaram ao clímax. Os pesquisadores sugerem que o orgasmo pode ter sido turbinado pelo ato de pausá-lo quando estava super perto. Sendo assim, quando estiver à beira de chegar lá, desacelere e comece de novo.

Mantenha o foco, atenção e respiração sintonizados


Relaxamento e concentração também são importantes para quem quer ter um bom orgasmo. Se enquanto você se masturba ou transa, estiver pensando na sua celulite, no compromisso do dia seguinte ou em mudar a decoração do seu quarto, nunca vai conseguir chegar lá. Use todo seu foco ao seu favor: tenha atenção aos movimentos e aos indícios do seu corpo e do parceiro, respire bem para turbinar a atividade aeróbica e a produção de serotonina, hormônio do prazer.

Exercite sua pélvis, mesmo quando não estiver transando


Faça esse exercício: sente ou deite em posição confortável, respire fundo, relaxe, e imagine uma luz amarela envolvendo a região do seu ventre e aquecendo toda a sua região genital. Pulse então seus músculos da pélvis através da contração do esfíncter vaginal, da mesma forma que você faz quando precisa segurar o xixi. Depois, não faça mais movimentos e fique somente com a imaginação. Faça por 10 minutos, pelo menos uma vez por dia.

Fonte: Com informações do Bolsa de Mulher