Dá para se chegar ao orgasmo com sexo anal?? veja dicas!

Especialista dá dicas preciosas sobre o sexo anal. Confira!

Em geral é difícil. A educadora sexual  Flaviane Brandemberg conta que em 10 anos de atendimento já ouvi relato de mulheres que conseguiam orgasmo apenas pelo sexo anal e não pelo vaginal”. Segundo  a coordenadora do programa de sexualidade na USP, Carmita Abdo, “algumas mulheres conseguem ter prazer orgástico com sexo anal, mas é mais comum com estimulação do clitóris”. “A maioria das mulheres que tem satisfação anal estão se masturbando também, estimulando o clitóris, ela ou o parceiro. Algumas podem ter orgasmo com o sexo anal apenas pelo movimento gerado na hora do ato”.

Nunca se condene a fazer o que você não quer sexualmente só por causa do outro. Sexo é bom quando existe liberdade entre o casal. E tem muita mulher que se coloca na situação de empregada sexual do seu homem, como se tivesse o dever de fazer tudo aquilo que se passa na fantasia dele. Portanto, ter bom senso é importante, e perceba também os seus limites pessoais.

Quando um casal se ama, consegue entender e driblar aquilo que não é compatível a ambos. E jamais, jamais, jamais acredite que sexo para ser bom tem de ser completo e que para você ser considerada uma mulher boa de cama tem de dar isso, aquilo, aquele outro, mais aquele também, do lado de cá, do lado de lá… Nada disso!

Sexo bom e aquele que vem recheado de carinho, respeito e cumplicidade. A maioria das mulheres não pratica sexo anal por três motivos básicos: dor, dificuldade de se chegar ao orgasmo e receio de se sujar durante o ato. Se usarem desses segredos que agora vou revelar, podem facilmente terminar com esses três fatores.

PASSO 1 –  Você vai fazer sexo anal com preservativo em 100% das relações. Não há outra opção saudável, pois o ânus é uma região contaminada e o homem pode facilmente pegar uma infecção urinária se ele não se proteger. E a partir do momento que o pênis penetrar o anus ele não deve de forma alguma retornar á vagina, a não ser que o preservativo seja trocado ou retirado (no caso de casais monogâmicos em relação estável), pois a vagina não possui capacidade de combater as bactérias e portanto uma infecção vai se instalar com certeza.

PASSO 2 – Procure ficar em uma posição que o pênis ao entrar esteja em um ângulo de 90 º em relação ao seu corpo. Pode ser de quatro ou de lado, a mulher escolhe a maneira que melhor se sente. É importante salientar que o ângulo de 90º é apropriado para a penetração inicial, mas que depois dessa penetração feita ele é ajustado conforme o corpo de cada uma delas, portanto, variações para cima ou para baixo são indicadas também, desde que sejam confortáveis. Quem vai determinar o ângulo é sempre quem recebe e, portanto, a pessoa deve testar diferentes movimentos para ver em qual se adapta melhor.

Se a mulher preferir a posição deitada de lado e com os joelhos flexionados, ela perceberá que haverá maior dificuldade na entrada de todo o corpo peniano e essa é uma boa posição de se fazer quando o homem têm tamanho de pênis considerável, embora ainda assim irá seu conforto depender da sua própria anatomia. Inclusive, se essa é a sua primeira vez indico essa posição.

PASSO 3 –  Coloque bastante gel lubrificante na região anal e um pouco no clitóris também.

PASSO 4 –  Agora uma informação bem importante, ao mesmo tempo em que o pênis é penetrado, estimule o seu clitóris, tocando com gel entre os dedos. Dessa maneira você irá relaxar e não contrair os músculos em torno do ânus, o que acabaria por causar a dor. Acredite em mim, o que acontecerá é que a sensação de dor será encoberta pelo prazer. Normalmente o nervosismo de se saber que a dor está para iniciar faz com que a mulher bloqueie a sua excitação, mas se você masturbar-se simultaneamente então isso não ocorrerá.

Fonte: Folha de Vitória