Descubra quais são os benefícios ao fazer sexo pela manhã com o parceiro

“É importante que o homem compreenda que, nesse horário, é essencial investir em preliminares”, avisa a especialista.

Que tal substituir o toque do despertador por uma música romântica e sedutora? Este pode ser o primeiro passo para acordar em um clima relaxado, emendar carícias e ter uma transa prazerosa nas primeiras horas do dia. Uma pesquisa da Universidade Queens, na Irlanda, apontou que ter relações sexuais pela manhã favorece a liberação de oxitocina, chamada de hormônio do amor, pois promove a sensação de bem estar e segurança, muito presente entre os casais apaixonados. Além disso, o sexo matinal pode elevar os níveis de IgA, um anticorpo que fortalece o sistema imunológico.

Para Aderbal de Castro Vieira Junior, psiquiatra e psicoterapeuta, responsável pelo Ambulatório de Tratamento do Sexo Patológico da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), tais benefícios realmente procedem, mas é essencial que haja um valor afetivo associado ao sexo. “O envolvimento do casal promove tais reações fisiológicas, portanto, não necessariamente isso é válido para uma relação sexual sem afeto, ou feita de forma mecânica”, considera.

Outra questão importante é o fato de que, o nível de testosterona masculino, após horas de sono, é mais elevado entre 25% e 50%. Por isso, os homens costumam preferir o sexo matinal, afinal uma questão fisiológica justifica o aumento do desejo. “Já as mulheres, sentem-se mais estimuladas à noite. Neste caso, ao acordar, ela tem de ser seduzida para que a vontade fique equilibrada”, explica a psicóloga Paula de Montille Napolitano, especialista em terapia sexual pelo Instituto Brasileiro Interdisciplinar de Sexologia e Medicina Psicossomática (ISEXP).

Assim, eles ganham pontos com elas quando tomam iniciativa e as despertam com beijos e carinhos, sem pressa ou afobação. Vale inclusive acordar mais cedo para surpreendê-las. “É importante que o homem compreenda que, nesse horário, é essencial investir em preliminares”, avisa a especialista.

Já a mulher pode tornar tudo mais prazeroso ao indicar ao parceiro em quais regiões se sente mais estimulada. “A sintonia entre o casal é fundamental para que tudo aconteça de forma envolvente para ambos”, ressalta Paula.

BALA DE MENTA NO SEXO ORAL

Encarar aquele bafo matinal não é agradável nem quando o casal está perdidamente apaixonado. Neste caso, quem consegue dar uma escapadinha até o banheiro para escovar os dentes, merece elogios. E essa dica vale para os dois. “Geralmente, a mulher se incomoda mais com isso e procura ter tal cuidado. Um beijo com hálito ruim pode fazê-la se desinteressar ainda mais pelo sexo”, alerta a psicóloga.

Por isso, ela sugere ao parceiro: “Evite o beijo na boca, explore pescoço, nuca, costas excitando-a”. Outra dica: deixe um copo com água no criado-mudo. Pode ser uma alternativa prática para aliviar aquele gostinho ruim na boca. Uma bala de menta também pode ser uma possibilidade interessante, incluindo aí um efeito colateral para esquentar a transa. “Apostar em uma pastilha pode ser uma dica perfeita para o sexo oral. O mentolado provoca reações mais prazerosas”, afirma Fatima Moura, sensual coach e autora dos livros “Sexo para mulheres casadas” e “Sexo, Amor e Sedução”.

Outra sugestão é investir em géis lubrificantes que podem ser uma opção diferente e divertida para estimular a mulher. “Preservativo com sabor é uma proposta perfeita para este horário, pois deixa um aroma no ar”, diz Paula, apontando outra possibilidade.

De acordo com Fátima, a relação sexual não precisa, necessariamente, acontecer na cama. “O banho pode ser o momento ideal para este encontro”, sugere. E combina muito bem com o clima de sedução: água morninha, sabonete líquido, espuma deslizando pelo corpo. “Geralmente, pela manhã, as pessoas têm mais pressa. Portanto, mesmo quem tem banheira, talvez, não tenha tempo para um banho mais demorado. No chuveiro, dá para criar este clima, que pode ser bem mais sedutor para ambos”, garante.

Para ela, basta apenas investir previamente em um tapete de Box que não escorrega, para evitar algum tipo de acidente. E deixar a imaginação rolar! “Uma dica é surpreender o parceiro, chegue de surpresa e conduza o banho”, ensina a sensual coach.

MASTURBAÇÃO A DOIS

Ainda no clima relaxante pós-sono, por mais que o desejo prevaleça, vale evitar contorcionismos. Segundo Paula, a posição conchinha é bem indicada para este momento, pois demanda pouco esforço, mas mantém o casal próximo, com as mãos livres para as carícias. Outras possibilidades indicadas são: ela por cima ou de quatro, pois em todas as posições citadas o casal mantém certo afastamento, perfeito para quem se incomoda com o hálito matinal.  

No chuveiro, o homem pode encostar a parceira na parede, levantando suavemente uma de suas pernas para a penetração. “Ela também pode apoiar-se na pia ou vaso sanitário, para sentir-se mais segura”, indica Fatima.

Por outro lado, a diversão matinal também pode se concentrar na nas carícias e na masturbação, sem prejuízo do prazer. “A penetração é o menos importante, o que vale mesmo é não deixar a rotina interferir na integração do casal”, finaliza Paula.

Fonte: Ig