'Ali dentro tudo pode acontecer', dizem gêmeas sobre sexo dentro da casa do 'BBB'

Andressa e Amanda posam para o Paparazzo e falam sobre o programa: 'Depois de algumas horas, você esquece que existem câmeras'

Andressa e Amanda viram em uma rede social um anúncio de uma agência de modelos que procurava gêmeas loiras entre 20 e 25 anos. Sem saber do que se tratava, as moradoras da Zona Oeste do Rio mandaram o portifólio e, horas depois, já estavam dentro do "BBB 15". "Só deu tempo de ligar para a minha mãe e avisar. Foi tudo muito rápido", lembra Andressa, nos bastidores do ensaio do Paparazzo


A passagem das gêmeas pela casa durou três dias: o suficiente para deixar Adrilles encantado por Andressa, a primeira a entrar no programa para confundir os participantes. "Ele é muito carinhoso, mas sabe seus limites", diz ela. Tanto uma como a outra acompanhou de perto o romance - cheio de mordidas e pegação - vivido por Fernando e Amanda (não a gêmea, a morena!). Ao serem perguntadas se também protagonizariam noites de amor se tivessem tido atração por algum brother, elas têm a mesma opinião. "Ali dentro tudo pode acontecer", respondem, tentando desconversar. "Depois de algumas horas, você esquece completamente que existem câmeras e vive uma vida normal", reforça Amanda.

Depois da breve experiência com entradas e saídas para se revezarem dentro do "BBB 15", Amanda não sabe se aguentaria ficar lá dentro por três meses. "De repente, se não tivesse que passar pela minha irmã e mostrar quem eu sou... Mas seria muito difícil ficar longe da minha família", afirma. O ensaio das gêmeas vai ao ar na próxima quarta-feira, 25, no Paparazzo.

Fonte: EGO