Após falso estupro, Globo ajudará Daniel a melhorar sua imagem

Após falso estupro, Globo ajudará Daniel a melhorar sua imagem

Segundo a advogada do modelo, Elizeth Mello, seu cliente ainda não decidiu se vai processar a emissora.

Livre do inquérito policial em que era investigado por crime sexual no "BBB 12", o ex-BBB Daniel Echaniz inicia agora um conjunto de ações para a restituição de sua imagem, com a ajuda da Globo.

Segundo a advogada do modelo, Elizeth Mello, seu cliente ainda não decidiu se vai processar a emissora.

"Primeiro vamos encerrar o caso da Justiça, pegar o passaporte dele, que foi apreendido pela polícia, para depois darmos um novo passo", diz ela. "É óbvio que ele teve um prejuízo enorme. Daniel é modelo internacional", continua. "Ele agora vai entrar em um processo de restituição de imagem. A Globo acordou com ele que vai ajudá-lo nisso, com participações em programas, entrevistas..."

Daniel foi afastado do "BBB 12" em janeiro, acusado de crime sexual envolvendo a participante Monique Amin. Na semana passada, o inquérito policial do caso foi arquivado.

Assim como os outros integrantes do "BBB 12", Daniel tem contrato com a Globo por seis meses e segue recebendo salário.

Procurada, a emissora diz que sempre houve um interesse natural dos programas em falar com Daniel, como acontece com todos os participantes do "BBB". E que, a partir do arquivamento do inquérito, essas entrevistas estão sendo feitas.

Fonte: Folha Online, www.folha.com.br